Seguidores

sábado, 31 de maio de 2014

Comprinhas, comprinhas e mais comprinhas

Ler é uma coisa tão boa e tão incontrolável para mim, que promoções dessas belezuras sempre me pegam pelo laço... rrss
Desses cinco, quatro eu ja li, em PDF, mas gostei tanto que comprei os livros fisicos e vou ler de novo.. só o Belo Casamento que ainda não li, vou ler a historia de Abby e Travis de novo pra chegar no casamento, não vejo a hora.. :)






terça-feira, 27 de maio de 2014

A Culpa é das Estrelas

Ah gentemmmmm ja vou logo dizendo que gostei não desse autor ter feito o que fez conosco...ah que raiva !!!!
Uma amiga virtual me disse que gostou mas não amou esse livro, eu to como ela viu pessoal. Gostei mas não amei. 
Achei a historia bonitinha e tal, amor de adolescente, mas não achei essa coisa sensacional que todo mundo que leu disse que achou. 
Muita gente me disse que chorou litros, eu fiquei sim emocionada ( chorei litros sim em Como Eu era Antes de Voce   e quando a Ana Steele deixa o Christian Grey - 50 tons de cinza ), emocionei sim com a carta que o Gus escreve para Hazel no fim do livro, pelo amor que ela sente por ele, mas chorar, não chorei não ( e olha que sou chorona viu pessoal ) 
Sei la, vai ver que não entendo nada de emoções literárias, só entendo de ler mesmo... rs
O livro conta a historia da Hazel Grace e do Augustus Waters ( o Gus ). Eles se conhecem durante uma reunião no Grupo de Apoio à Jovens com Câncer, ela tem um câncer nos pulmões e ele tem um osteosarcoma que o faz perder um perna e ter uma prótese.Gus se apaixona por Hazel logo de cara, mas o que mais encanta um ao outro é a inteligência de cada um. 
Os comentários que eles fazem sobre a doença faz com que o bom humor permeie a historia deles, e deixa o livro divertido sim. Mas é só. Hazel custa a admitir que esta apaixonada por ele, porque como ela acha que vai morrer, não se sente no direito de amar alguém, principalmente o divertido Gus, mas em determinado  momento ela não resiste aos seus encantos. 
Historinha de adolescente que talvez minha filha de 10 anos ache linda e emocionante, não é que eu detestei, mas não achei tudo isso. Sei la, não leria de novo.




 

Sinopse - A Culpa é das Estrelas - John Green - 

por www.skoob.com.br

A culpa é das estrelas narra o romance de dois adolescentes que se conhecem (e se apaixonam) em um Grupo de Apoio para Crianças com Câncer: Hazel, uma jovem de dezesseis anos que sobrevive graças a uma droga revolucionária que detém a metástase em seus pulmões, e Augustus Waters, de dezessete, ex-jogador de basquete que perdeu a perna para o osteosarcoma. Como Hazel, Gus é inteligente, tem ótimo senso de humor e gosta de brincar com os clichês do mundo do câncer - a principal arma dos dois para enfrentar a doença que lentamente drena a vida das pessoas.

Inspirador, corajoso, irreverente e brutal, A culpa é das estrelas é a obra mais ambiciosa e emocionante de John Green, sobre a alegria e a tragédia que é viver e amar.

quarta-feira, 21 de maio de 2014

Burning Love ( Amor Ardente ) Calor de Vaqueiro 6 - Sable Hunter

Quanto mais leio os livros da Sable Hunter, mais gosto dela... To com ela igualzinho to com a Rachel Gibson, um livro é melhor que o outro... Que beleza !!!!
Esse livro faz parte da série Hell Yeah mas não fala sobre os irmãos McCoy. Exceto um trechinho bem pequeno de uma conversa de Beau com Joseph McCoy ( que é amigo do clã dos cowboys desde muito jovem ).
Nesse 6o. livro conhecemos a historia de Beau LeBlanc e Harley Montoya. 
Beau e Harley são velhos conhecidos, de um tempo onde ambos não eram senão duas crianças em um abrigo para menores cheio de problemas, e Beau mais velho que Harley ( que nesse tempo se chamava ¨Nada¨). Mas os caminhos deles se separaram e por mais de 15 anos e um dia do nada eles se reencontram. 
Harley o reconhece de cara, fica bamba ao ver o homem que povoou seus sonhos durante anos e anos, mas ele não a reconhece, fica fascinado por ela como um homem ficaria por uma linda mulher, mas não a reconhece. 
Seu interesse por ela é tão grande que ele não consegue ficar longe e começa a querer vê-la com uma freqüência do qual nem ele acredita.
E num encontro que ele marca com ela ela o chama pelo nome que ele sempre ouviu de sua boca ( Beau-ray ) ai ele cai de joelhos ... Fica doido ao ouvir sua antiga paixão ali bem na sua frente, e ele não acredita. 
A partir dai ele precisa descobrir tudo o que aconteceu depois que se separaram. E ele vai descobrindo, pouco a pouco, e se vê cada vez mais apaixonado por sua Nada agora Harley. 
Ela em contra partida vai se apaixonando cada vez mais pelo homem que ela tem certeza que é o seu ideal. Mas Harley não foi uma pessoa muito abençoada na vida. Alem do abandono, do nome que seu pai dizia que pra Nada servia, ela ainda tinha em seu curriculum dois estupros. e de tudo isso era o que mais pesava na sua relação com Beau. 
Até que ja não podendo mais esconder esse fato dele, ela se vê obrigada a contar toda sua vida pra ele. O que faz, no que trabalha, e os dois canalhas que acabaram com a vida da menina Nada.   
Seu maior medo é o abandono que ja sofreu por dois outros namorados ao descobrirem o fato, mas agora é o seu amor, e ela não suportará a ideia de que seu amor abandona-la por isso. 
Ele é um lord com ela, gentil, paciente, vai com ela às sessões de terapia, é cuidadoso e faz tudo direitinho, mas não é perfeito, e num rompante de pura excitação ele comete o pior erro que ele poderia comenter com ela, e não se da conta. feito isso ele se vê obrigado a deixa-la, por pura culpa. Pra desespero total de ambos, um louco esta a caça de Harley, e consegue se aproximar dela nesse momento difícil que ela esta vivendo com esse abandono. Ele se sente tão culpado que precisa ir atrás dela, e se redimir, Mas como ela tem uma profissão muito perigosa ( desarmar bombas ) ele precisa de cautela para fazer ela entender que seu amor por ela é maior que o perigo que ele pode correr. 
Lindo livro, linda historia, lindo final, mais  uma bela historia dessa série que eu amo. Parabéns sempre à Sable Hunter.




Sinopse 
"A paixão de Beau arde forte por Harley Montoya. Quando ele descobre que a mulher que inflamou seu desejo é a mesma garota por quem ele se apaixonou a muito tempo atrás, em um abrigo para adolescentes, ele não poderia ficar mais feliz. Mas Harley – ou Nada, como ele a conhecia naquela época – foi marcada pela tragédia. Ele fabrica armas por encomenda e possui uma reserva para répteis, enquanto ela é especialista em desmontar e eliminar bombas - desarmar bombas é seu ganha pão. Mas nada é mais explosivo do que o amor que eles compartilham. Beau esta determinado a provar para Harley que ele é digno de sua confiança e que esta disposto a protegê-la de qualquer coisa que possa causar-lhe mal. Mas Harley esta sendo perseguida por um louco, e não pode fugir de suas responsabilidades. Bombas, jacarés, fazendas assombradas e as antigas tradições da Lousiana apimentam suas vidas, enquanto o perigo e fantasmas do passado ameaçam separá-los – mas nada será capaz de apagar as chamas ardentes deste amor."

sexta-feira, 16 de maio de 2014

Badass ( Calor de Vaqueiro 5 ) - Sable Hunter

Adoreeeeeeeeeeiiiiiiiiiiiiiiii esse livro... Na verdade cada um dessa série que leio, adoro mais que o outro... eu tinha gostado da historia do Aron e da Libby ( primeiro ), mas adorei mais ainda a historia do Jacob e Jessie ( segundo ), ai vem o terceiro ( Joseph e Cady ), doses excessivas de irmãos McCoy, ai vem um amigo pra quebrar o clã ( Kane e Lilibeth ) não menos quente, e agora chega a vez do Isaac McCoy, o ¨Badass ¨ ( o cara ), motoqueiro, bad boy e Dom ( bem a lá Christian Grey rrrssss ) 
Isaac sempre teve má fama mesmo entre os irmãos que o amam, imaginem pra quem não o conhece. Mas aos poucos ele vai mostrando que ele é sim, motoqueiro, se veste como um rebelde, mas que é um homem responsável. Adquire seu proprio negócio, tem um coração mais do que generoso, mas é atormentado por um amor que ele sabe que não pode ter, a doce e ingênua Avery. 
Avery cresceu dentro de uma igreja, seu pai é pastor, e ela foi educada pra ser uma lady e viver para a caridade e para o bem dos outros, mas desde de sempre o unico homem que ela amou foi justamente o ovelha negra Isaac. 
Em algumas oportunidades que se encontram Isaac diz com todas as letras que ela não é mulher para ele, que ele não tem interesse nela  ( pura mentira viu pessoal ), e ela muito ofendida resolve mudar de vida e mostrar que ela pode sim ser o que ele quer ... ( ah mulheres determinadassssss...rrss ) 
Então Avery deixa sua casa, sua cidade e segue pra Vegas, e se confina num bordel, para ter aulas puramente teóricas de como agradar um homem, o seu homem, em todos os sentidos. E ela aprende, com mestras num bordel, e sai de la outra.... 
Quando ela volta, ai meu pai, o homem fica doido ao ve-la, acha que ta tendo miragem de tão diferente que sua amada porem intocada está.
Ai danou-se, ele não resiste à essa linda mulher, e a tem em seus braços da forma como ela sempre sonhou. Mas Avery acha que mesmo esses poucos momentos em que passam juntos não fazem  com que Isaac a ame como ela o ama e como deseja ser amada, e ainda assim ela resolve que valerá muito a pena se envolver com o homem dos seus sonhos mesmo que por pouco tempo. Mau sabe ela que ele é louco por ela.
Ate que por uma ironia do destino, a vida de Isaac e sua especialidade de ser Dom num mundo BDSM vem à tona da pior maneira possivel e isso envolve a vida do seu amor e afeta sua familia. Mas Avery não é qualquer mulher, ela é sagaz, esperta e falante ate demais, e exatamente o jeito dela que fez com que Isaac caisse de joelhos por ela, faz com quem esse mesmo homem forte, Dom e poderoso caia em lágrimas tambem....



Sinopse 
Isaac McCoy é o sonho de toda mulher . Ele é um cowboy , um dos  irmãos McCoy de Tebow Ranch - alto, moreno , bonito e sexy como o inferno. Para aumentar o mistério , ele é um motociclista - revestido em couro preto , montando uma grande Harley - que faz com que as mulheres vão ao delírio . Mas Isaac é a ovelha negra da família . E o que sua família não sabe é que ele também é um Dom . Um pouco diferente de seus irmãos , Isaac sempre foi em carros rápidos, mulheres quentes e do lado mais pesado do sexo. Até Avery . Isso mesmo, o Badass caiu para o anjo de Kerrville County - a doce, ingenua e recatada Avery o faz cair de joelhos. Avery foi apaixonado por Isaac há anos e ela está pronta para fazer ele se interessar por ela. Mas Isaac deixa claro que eles vêm de mundos diferentes , não há nenhuma maneira que ela possa se ​​encaixar em sua vida. Ela não é o tipo de mulher que ele precisa. Então , Avery decide tomar o assunto em suas próprias mãos. O que ela pretende fazer é ter aulas de como ser uma menina má. Avery está determinada a aprender o que é preciso para agradar Isaac em todos os sentidos . 

terça-feira, 13 de maio de 2014

Calor de Vaqueiro 4 - Belo Homem de Olhos Castanhos - Sable Hunter

Mais um livro da quente Série ( Hell Yeah - Calor de Vaqueiro ) de Sable Hunter.
Alguns blogs dizem que esse é o livro 4, outros mudam sua classificação, mas seja ela qual for, aqui está. 
Confesso que quando comecei a ler achei um pouco forçado demais como Lilibeth e o xerife Kane começam o seu relacionamento, mas depois desse primeiro momento fui gostando mais da historia. 
Nesse volume da série, conhecemos a historia do Xerife Kane Saucier e Elisabeth Ladner, ou Lilibeth, uma trabalhadora nata e que sofre muito preconceito devido uma paralisia infantil onde muitos a chamam de aleijada. 
Lilibeth nunca foi beijada, nunca teve um homem em sua cama, e de repente ter o xerife da cidade caindo de amores por ela a deixa nas nuvens. A todo momento ela se questiona do porque desse belo homem cair de amores por ela.
Masssssss nem tudo são flores, claro. 
Kane tem uma piriguete, caçadora de fortunas de uma ex mulher que começa a infernizar a vida do casal, e Lilibeth tem um irmão que se envolve com gente que não presta e que passam a fazer da vida da pobre Lili um inferno, coitada. 
Mas como sabemos, quando se tem amigos não se morre pagão, Lilibeth é despejada da sua casa e fica impossibilitada de executar seus serviços de cozinheira, e Kane  pede aos seus amigos McCoy que deem uma ajudinha à sua amada dando-lhe emprego.
O legal dessa série é que os outros personagens de outros livros estão sempre presente nas historias paralelas, tem ate alguns trechos de outros livros que se encontram nos atuais. Falas de outros personagens que se encaixam no livro que não é da sua historia. Bem escrito mesmo a serie de Sable Hunter

Dos 3 primeiros achei que esse foi o menos empolgante, não que não gostei, mas achei os outros mais bem escritos. o terceiro ( Joseph e Candy ) é tão delicado, tão bem escrito que acho que esperava mais desse. Mas ainda vou continuar a série, logo começo o quinto ( Badass ) 

                            1: O Calor Do Vaqueiro  - Distribuído 
                            2: Quente Em Seu Rastro - Distribuído 
                            3: Seu Toque Mágico - Distribuído 
                            4: Belo Homem De Olhos Castanhos - Lançamento 
                            5: Badass - Distribuído 
                            6: Burning Love – Revisão Final
                            7: Forget Me Never – Revisão Final
                            8: Vejo Você Em Meus Sonhos - Distribuído 
                            9: Finding Dandi  - Revisão Inicial
                          10: Skye Blue – Revisão Inicial
                          11. I'll Remember You – Revisão Inicial
                          12. True Love's Fire (A Lançar - 2014)
                          13. Thunderbird (A Lançar 2014)





Sinopse - por http://adoramosromancesemebook.blogspot.com.br

Sheriff Kane Saucier não tinha intenção de se apaixonar mais uma vez - nunca. O amor era para homens que não eram casados com suas carreiras, homens que nunca tinham experimentado a traição de uma mulher que supostamente lhe pertence. Até que ele conheceu Lilibet.
A encalhada de Kerrville County nunca foi beijada, nunca esteve em um encontro, nunca foi convidada para dançar. Devido a uma lesão na infância, ela não se move fácil com graça, mas com movimentos que faz com que todos parem para vê-la com uma mistura de pena e desdém. Até que ela conhece Kane.
Kane só vê uma mulher incrível com o rosto de um anjo e um sorriso determinado a mostrar-lhe como ela é realmente linda.

Somos Seis - Chico Xavier

Eu adoro leitura espírita, e livros do Mestre Chico Xavier são sempre ensinamentos, reflexões e nos faz pensar em vida após a morte. 
Nesse livro, Chico nos traz junto com alguns outros autores a historia de seis jovens desencarnados precocemente, que para confortar os corações de seus entes queridos que na terra ficaram, mandam mensagens mediúnicas através de sua psicografia para acalmar pais e mães ansiosos por noticias. 
Dois desses jovens desencarnaram no incêndio do Edifício Joelma, o saber que a morte esta na sua frente e o que não se pode fazer senão pedir à Deus perdão e resignação. Outros jovens contam suas mortes em acidentes ou a morte sem causa, só prevista por Deus, como espíritos sabem e nos humanos não. 
Livro emocionante pela veracidade dos fatos, detalhes familiares e que pra quem acredita assim como eu, traz o conforto que buscamos quando perdemos algum ente muito querido. 
O livro cita muito outra publicação que ja li viu gentem, mas não lembro, pois li na adolescência, que é o Jovens no Além, ainda vou procurar para lê-lo de novo, e alguns desses jovens são mencionados em ambos os livros.




Sinopse - Somos Seis - por : www.skoob.com.br

Dois jovens pereceram em incêndio de grandes proporções, outros dois afogados, enquanto que apenas dois de morte natural. Muitos dos rapazes e moças, citados nas mensagens dos seis jovens, partiram da Terra, vitimados por acidentes de trânsito. Agora, suas mensagens confortam a família, esclarecem sobre a vida imortal e orientam sobre a importância do auxílio fraterno, enquanto na terra, preparando-se assim, para a desencarnação sem traumas. Wilson William Garcia e Volquimar Carvalho dos Santos foram as vítimas do trágico incêndio do edifíco Joelma, em São Paulo, pouco antes das 9 horas da manhã do dia primeiro de fevereiro de 1974. O livro apresenta também uma entrevista com Chico Xavier, tratando do assunto morte de crianças e jovens.

segunda-feira, 12 de maio de 2014

Calor de Vaqueiro 3 - ( Seu Toque Magico ) - Sable Hunter

Mais um livro da Série Hell Yeah ( Calor de Vaqueiro ), esse é o terceiro volume da série, e nos conta a historia de Joseph McCoy, o terceiro irmão da família que vive no Rancho Tebow e são quentes que só. rrss
Joseph é o esportista da familia, enquanto já soubemos que Aron ( primeiro livro) é o ¨pai¨ de todos os irmãos, e Jacob ( segundo livro ) é o mais sentimental e o que melhor lida com os negócios, Joseph foi o que deixou de ser um dos cowboys do rancho onde vivem para viver sua vida e conhecer o mundo e como ele mesmo diz, fazer com que as mulheres o conheçam, porque Deus o fez pra isso, para ele ser a alegria das mulheres ( convencimento pouco é bobagem rrrssss ).
Todas as mulheres querem conhecer o esportista, recordista e de boa lábia Joseph, todas querem uma noite com ele, ate que numa competição de motocross ele vê sua vida virada de cabeça pra baixo. Ele sofre um acidente que o deixa paralítico, ao menos temporariamente. Isso se torna a morte pra ele. Ele não se aceita mais, pensa em morrer mesmo, e mais do que perder os movimentos das pernas, ele não se conforma é em não poder nunca mais ser um homem de verdade e dar multiplos orgasmos às mulheres como ele fazia antes do acidente. Isso o deixa arrasado, ele fica deprimido, mas numa conversa com um amigo, Joseph descobre que existe uma mulher que pode mudar sua condição de vida.
Joseph fica interessado desde que essa mulher seja mais feia que noite de inverno e que não cause nenhum interesse no paciente, porque isso ele não quer, que uma mulher o veja inválido.
Ai entra Acadia Renaud, ou Cady. Ela passa a morar no Rancho e começa a tratar Joseph, mas Cady é uma mulher solitária, que nunca foi beijada, dormir com um homem então, só em sonhos e olhe la, mas Joseph não é nada gentil com ela logo de cara, Fala de sua aparencia, que pro que ele quer, está perfeito, Cady  é feia ao olhar de outros homens, mas possui uma beleza que só o verdadeiro amor vai poder expo-la.
è empolgante o que Cady faz para que Joseph melhore e o dom que ela possui o encanta cada vez mais, e faz com que ele acredite no tratamento. Aos poucos ele vai enxergando algo nela com o qual ele nunca poderia esperar, e os dois começam a ficar mais proximos, mas Joseph a magoa com alguns comentarios que ele faz sobre sua falta de vaidade e seu pouco caso consigo mesma, mas ela é persistente, e vai em busca do que a levou ate ele, e faz de tudo para seguir seu proposito, usando Seu Toque Magico, suas mãos, seu amor e seu coração para dar a Joseph o que ele mais quer., e em contra partida, ele aprende que a beleza interior as vezes vale muito mais do que a vazia beleza que todos veem. 
Eu adoro essa série, ja comecei a ler o livro 4, e não vejo a hora de conhecer todas os irmãos da familia McCoy e seus amores.
                                                    


Sinopse

O ¨Demolidor ¨ Joseph McCoy está convencido de duas coisas: primeiro, ele é invencivel, e segundo ele é um presente de Deus para as mulheres. Mas o céu tem outras ideias.
O mundo de Joseoh é virado de cabeça pra baixo quando ele sofre um acidente durante uma corrida de motocross e fica paralisado da cintura para baixo.
Por um tempo,Joseph não sabe se ele quer viver ou morrer, ate que a fisioterapeuta contratada por ele Acadia Renaud ou Cady como ela gosta de ser chamada, passa a cuidar dele.
Cady é o anjo da guarda de Joseph, literalmente. E ela fará de tudo para ter certeza de que ele recupere tudo o que perdeu, incluindo sua masculinidade.
Depois de conhecer ¨Seu Toque Mágico¨ ele nunca mais será o mesmo, e vai descobrir que a verdadeira beleza é uma coisa rara e maravlhosa.


quarta-feira, 7 de maio de 2014

Como Eu era antes de Voce - Jojo Moyes

Madre de Dios, pensem numa desobstrução das vias lacrimais, pois foi exatamente o que aconteceu comigo lendo esse livro. 
Sou chorona por natureza, quem me conhece sabe disso, mas esse livro foi um teste de segura-solta lágrimas.
Uma sinopse e uma capa tão singelas não mostram o real conteúdo desse livro. è uma linda e emocionante historia de sofrimento, luta, conhecimento e que no fim das contas vira amor. De maneira contrária à tudo o que costumamos ler, que onde uma linda historia de amor as vezes se torna um sofrimento pra ter um final feliz. Esse livro vai completamente contra essa máxima. 
Jojo Moyes nos traz a historia de Louise, uma jovem de 27 anos que não tem perspectiva nenhuma sobre seu futuro. Namora o mesmo cara há 7 anos, trabalha num café confortavelmente servindo o que os clientes desejam, mora com um família pequena porém barulhenta, ate que sua vida dá uma volta da qual ela nunca poderia imaginar. 
Ao ver seu patrão fechar o café onde trabalha, ela esta desempregada, sendo arrimo de familia, nada em seu curriculum mostra quais suas habilidades, ate que numa procura por um novo emprego ela se vê diante de uma oportunidade que pode ajudar muito sua vida e a condição de sua familia. 
Apesar de ter um avô que necessita de cuidados especiais devido um derrame que sofreu, Louise ou Lou, não faz a menor ideia do que tem que fazer para seu novo patrão, o jovem Will Traynor, 35 anos, tetraplégico causado por um acidente num dia chuvoso em Londres. 
Contratada pela mãe de Will, Lou se vê mais perdida que cego em tiroteio por não saber nada sobre a condição do paciente. Mas Camilla ( mãe de Will ) deixa muito claro o que será seu trabalho, ser companhia para Will durante o período em que estiver trabalhando, e nunca, nunca deixa-lo sozinho. 
Mas Will odeia sua nova condição física, e odeia mais ainda que todos tomem decisões por ele. Então a chegada de Lou à vida de Will é um verdadeiro martírio, para ambos. 
Só que ela é persistente e coloca na cabeça que vai cumprir com seu contrato de 6 meses e ganhar o que lhe é devido. 
O dia a dia faz com que Will passe a aceita-la melhor a cada dia, ela não esmorece às suas grosserias e ele passa a admira-la por não abaixar a cabeça cada vez que ele a provoca. Ai começam as mudanças. Will a faz se tornar uma pessoa mais interessada, em arte, em boa música, em leituras. E ela o faz ficar cada vez menos no seu ¨casulo¨particular e decide que quer que ele seja menos infeliz. 
Ate que Lou escuta uma conversa da mãe de Will com a irmã, onde o assunto principal é que ele quer ir para uma determinada clínica para morrer. Lou fica chocada, sem nenhuma reação e resolve ir embora e largar o emprego. Mas não será tão facil assim pra ela, e ela resolve que terá como meta fazer com que Will encare a vida de maneira diferente, desejando viver e não morrer. 
Lou faz disso sua batalha diária. Mas a convivência excessiva com ele traz dentro dela um sentimento que ela jamais poderia imaginar. Ao estar com sua familia, em sua casa, com seu namorado, o que ela mais quer é estar junto do patrão, sente falta até mesmo do jeito grosseiro dele e se descobre apaixonada. 
Seu prazo esta se esgotando, ela tem 6 meses para faze-lo mudar de idéia, e então resolve que é hora de fazer uma viagem para ver se ela consegue o que esta lutando pra conseguir, tirar da cabeça dele a ideia da morte. 
Nessa lindíssima viagem ela se declara à ele, conta que sabe dos seus planos, mas que seu amor por ele o pode fazer mudar de ideia. Que o que ela sente pode fazer seus dias melhores e que juntos vão lutas por essa vida com o qual ele não deseja mais participar. 
Pronto aí vem o drama. ... 
Eu nunca poderia imaginar que a autora nos desse esse final de livro, chorei tanto, mas tanto que achei que era eu que estava vivendo o dia a dia de Lou e Will.

*** ¨... — Minha situação não vai melhorar. A chance é piorar cada vez mais e minha vida,
que já é limitada, vai ficar mais ainda. Os médicos disseram. Há várias coisas que estão
me atingindo. Eu percebo. Não quero mais sentir dor, nem ficar enfiado nessa cadeira,
nem depender de ninguém, nem ter medo ...

- Ei, Clark. Conte alguma coisa boa.
Olhei pela janela para o céu azul-claro da Suíça e contei a história de duas pessoas.
Duas pessoas que não deviam se encontrar e que não gostaram muito um do outro
quando se conheceram, mas que descobriram que eram as duas únicas pessoas no
mundo que podiam se entender. Contei as aventuras que tiveram, os lugares onde foram
e as coisas vistas que nunca esperaram ver. Conjurei para ele céus cheios de raios,
mares iridescentes e noites repletas de risos e piadas bobas. Desenhei para ele um
mundo, distante de uma área industrial suíça, um mundo onde ele ainda era, de algum
modo, a pessoa que queria ser. Mostrei o mundo que ele tinha criado para mim, cheio
de encantos e oportunidades. Deixei que soubesse que uma mágoa tinha se curado de
um jeito que ele não podia imaginar, e que só por isso eu estaria para sempre em dívida
com ele. Enquanto eu falava, sabia que aquelas poderiam ser as palavras mais
importantes que diria e que precisavam ser as palavras certas, que não eram
propaganda, uma tentativa de mudar o que ele pensava, mas que respeitavam a decisão
dele.
Contei algo bom.
O tempo seguia lento, parado. Éramos só nós dois, eu murmurando no quarto vazio e
ensolarado. Will não disse muito. Não retrucou, ou fez comentários ácidos ou irônicos.
Às vezes, anuía, murmurava algo, ou emitia um pequeno som que podia ser de
satisfação ou de alguma lembrança boa.
— E esses foram — falei — os melhores seis meses da minha vida.
Fez-se um longo silêncio.
— Engraçado, Clark, os meus também.
Então, meu coração se partiu. Meu rosto se contorceu, perdi o controle, apertei-o
com força e não me importei que ele sentisse meu corpo estremecer com soluços.
Aquilo me sobrecarregou, partiu meu coração, meu estômago, minha cabeça, me
invadiu e não pude aguentar. Achei que, sinceramente, não aguentaria.
— Não chore, Clark — murmurou ele. Senti seus lábios nos meus cabelos. — Por
favor. Não faça isso. Olhe para mim *** 


Eu odiei que tudo terminou assim, sem um final feliz, mas essa historia não tinha outra forma de terminar, mas mesmo que o final não tivesse sido como eu queria, foi um livro espetacular. Eu o leria de novo e de novo e de novo e derramaria as mesmas centenas de lágrimas que derramei ontem quando o terminei. 
Enfim, esse livreo estará no topo da minha lista de preferidos... de verdade.



Sinopse - por www.skoob.com.br

Aos 26 anos, Louisa Clark não tem muitas ambições. Ela mora com os pais, a irmã mãe solteira, o sobrinho pequeno e um avô que precisa de cuidados constantes desde que sofreu um derrame. Além disso, trabalha como garçonete num café, um emprego que ela adora e que, apesar de não pagar muito, ajuda nas despesas. E namora Patrick, um triatleta que não parece interessado nela. Não que ela se importe.

Quando o café fecha as portas, Lou se vê obrigada a procurar outro emprego. Sem muitas qualificações, a ex-garçonete consegue trabalho como cuidadora de um tetraplégico. Will Traynor, de 35 anos, é inteligente, rico e mal-humorado. Preso a uma cadeira de rodas depois de um acidente de moto, o antes ativo e esportivo Will desconta toda a sua amargura em quem estiver por perto e planeja dar um fim ao seu sofrimento. O que Will não sabe é que Lou está prestes a trazer cor a sua vida. E nenhum dos dois desconfia de que irá mudar para sempre a história um do outro.

terça-feira, 6 de maio de 2014

True Confessions - Rachel Gibson

Ai.. mais um livro da querida Rachel Gibson. como muitos post que escrevo sobre os livros dela.esse é mais um dos livros que adorei da autora. Ela tem uma leveza na escrita, uma riqueza de detalhes que adoro. Mesmo os livros pequenos tem coerência, começo, meio e fim. Tudibom !!!

Esse livro, bem pequeno ( tem pouco mais de 150 paginas ) Rachel nos conta a historia de Hope Spencer, uma loira que chega chegando na cidade de Gospel, Idaho. Num Porshe que faz desviar a atenção por onde quer que passe, Hope se vê numa cidade muito pequena, diferente da enorme Los Angeles onde é uma repórter de historias de ficção.
Mas a principal razão para sair da cidade grande e ir para um cidade tão peculiar, é que Hope precisa de inspiração, para escrever historias de duendes e aliens que faça todos que leem seus artigos acreditarem que aquilo é verdade. 
Mas a vida de Hope não tem sido linda e reluzente como seu Porshe. Uma perseguição de um anão maluco, uma amiga que de amiga não tinha absolutamente nada, um divorcio que a fez se sentir a última pessoa do mundo a fazem tambem querer viver bem em Gospel. 
A unica coisa que ela não esperava é que conhecer um certo xerife chamado Dylan Taber ia fazer sua vida virar de cabeça pra baixo. 
Completamente ciente de que sua vida esta boa como esta, mesmo se sentindo solitária, ela sabe que se envolver ou pior se apaixonar por alguem não está nos seus planos. Mas quem escolhe esse tipo de coisa ???!!
Quando Hope percebe ela ja esta completamente envolvida pelo xerife da cidade. Ele por sua vez, também é um homem sofrido, que esta com o coração fechado para romances, seu único amor responde pelo nome de Adam e tem 7 anos, fruto de um mal fadado relacionamento com Julie, um erro, não fosse o nascimento de Adam. 
Mas mesmo na ficção, mentira causa danos que as vezes são irreparáveis, e algumas mentiras ou omissões tanto de Hope como de Dylan causam sofrimento aos seus corações. Uma tristeza... 
Rachel sempre faz isso com a gente, um amor tão lindo, um sexo pra lá de quente, ai vem a briga e a separação.... ai ai ai até meu coração doi com essas brigas... rs 
Masssssssssss de novo, ficção tudo se resolve, sempre, por isso confissões verdadeiras são mais que necessárias nessa linda e quente historia dessa querida autora. 

*** ¨ ...Sua respiração quente sussurrou quando ele disse: "Eu te amo, Hope. Minha vida tem sido miserável sem você."
Ela tinha sido tão infeliz sem ele, ela tinha que saber. "Você realmente foi infeliz?"
"Sim".
Ela sorriu pela primeira vez desde que ele a tinha em seus braços. Ela sentiu a vontade de rir e a
vontade de chorar se enrolando no seu peito de uma só vez. "Qual tanto?"
Ele descansou sua testa contra a dela. "Todas as manhãs quando eu acordava, eu tinha um sentimento
de muito frio na barriga, como se algo estivesse faltando em minha casa, como o oxigênio ou a luz solar.
Algo que eu preciso. Então, eu olho para o travesseiro vazio e percebo que é você que eu sinto falta. E
quando eu vou para a cama, eu fico acordado me perguntando se você está pensando em mim, também.
Querendo saber se você sente falta de mim tanto quanto eu sinto sua falta."
"Dylan?"
"Hmm".
"Eu senti sua falta, também...." ***





Sinopse - por https://groups.google.com/forum/#!topic/livrosnet/C-PLM2F659U
 
Uma repórter de tablóide de L.A., Hope Spencer, vai para Gospel à espera de inspiração. Bem, quando ela consegue inspiração… Hope nunca encontrou ninguém como as pessoas de Gospel. Das irmãs Dean com os cabelos coloridos combinados à competição de arremesso de privada… À vítima de assassinato que foi encontrada na casa dela quatro anos antes. Ela descobre que a realidade é mais estranha que a ficção até mesmo para um tablóide de ficção!E ainda tem o xerife local, Dylan Taber. Ele não é um dos personagens inventados de uma das histórias dela. Dylan é muito real… e logo, Hope é forçada a encarar um terrível verdade: ela está há muito tempo sem um homem. Mas uma vez que ela dá as caras com uma atriz de Hollywood que de alguma forma enfiada na vida de Dylan, Hope percebe que se eles têm algum futuro juntos, ele tem que fazer algumas confissões.