Seguidores

terça-feira, 22 de outubro de 2019

Céu sem Estrelas - Iris Figueiredo

¨Não existe céu sem estrelas, mesmo quando estão cobertas pelas nuvens ainda estão lá, a gente só não consegue enxergar ... 
É  como a esperança... sempre existe uma saída, mesmo que a gente não consiga enxergar ... ¨



Na Bienal de 2016 esse livro foi muito falado, a autora estava no stand da Editora autografando o livro, mas na época, apesar de ouvir muito falar dele, não me interessei em ler. Dois anos se passaram e eu só penso, que sorte que eu li, mesmo que não tenha sido naquela época, mas agora foi uma boa hora pra mim.

A escrita da Iris é muito boa, narrado pelos dois personagens principais ( Cecília e Bernardo), ela nos faz cair de amores pelo bom coração de Bernardo, e nos faz querer colocar a Cecilia no colo, ou na terapia o tempo todo rrss.

Cecília tem uma paixonite platônica pelo irmão mais velho da sua melhor amiga Iasmim ( que diga-se de passagem eu detestei, menina chata demais rrrss ). Por isso, cada vez que ela cruza com Bernardo ela suspira, mas acredita que ele nunca vai olhar pra ela. A menina gorda, que ninguém se interessa, que não se acha capaz de chamar a atenção de um rapaz como ele. Ate o dia que ele nota. E ela não sabe o que fazer.

A cada novo capitulo fica muito claro que os problemas de Cecilia vão muito alem dos problemas com sua mãe, com seu peso, ela tem muitas questões a resolver com sua própria familia, com aqueles parentes que nunca perdem a oportunidade de fazer aquele comentário desagradável, questões de rejeição, mas principalmente, Cecilia tem muito o que apreder sobre si mesma. Ter completado 18 anos não ajudou em nada sua vida tão tumultuada. E quando ela acha que Bernardo vai ser essa brisa fresca na vida dela, ela se vê, de novo, se questionando sobre sua própria culpa por tudo e por todos.

Eu senti muita pena dela. E Bernardo foi tão fofo o tempo todo, que dava vontade de guardar ele num potinho. As amigas de Cecilia, Rachel e Stephanie, tá tem  a Iasmim tambem mas eu não gostei dela, mas adorei as outras duas. Aquela avó, que fofa, que amiga, que mãezona pra Cecilia. E por falar em mãe..... só jzuis na causa da mãe da Cecilia.... oh mulherzinha insuportável viu.

Enfim, gostei muito mesmo. Fiquei feliz de ter lido e conhecido essa historia que nos trás uma reflexão, um alerta, e principalmente uma mensagem de que não importa o problema, pra tudo na vida tem solução, seja com ajuda dos amigos, de um profissional, da familia, o importante é não achar que seremos capazes de resolver tudo sozinhos, porque muitas vezes, não somos.




Sinopse: www.skoob.com.br 

Um romance sensível e envolvente sobre autoestima, família e saúde mental.

Cecília acabou de completar dezoito anos, mas sua vida está longe de entrar nos trilhos. Depois de perder seu primeiro emprego e de ter uma briga terrível com a mãe, a garota decide passar uns tempos na casa da melhor amiga, Iasmin. Lá, se aproxima de Bernardo, o irmão mais velho de Iasmin, e logo os dois começam um relacionamento.
Apesar de estar encantado por Cecília, Bernardo esconde seus próprios traumas e ressentimentos, e terá de descobrir se finalmente está pronto para se comprometer. Cecília, por sua vez, precisará lidar com uma série de inseguranças em relação ao corpo — e com a instabilidade de sua própria mente.

sexta-feira, 18 de outubro de 2019

E Escolha ( #3 A Seleção ) - Kiera Cass

Sensacional.... Isso define esse livro pra mim.

Eu gostei, muito de A Seleção e A Elite, mas A Escolha é de longe meu favorito dos 3, e pra mim foi o melhor até agora. Muitos acontecimentos, muitas reviravoltas, e chorei bastante com alguns dos acontecimentos. E as cartas...pelamor de todas as leitoras emotivas, o que são essas cartas que as autoras escrevem gente.... não tem uma que não me derrube, independente do personagem, da historia, do motivo, essas cartas sempre me derrubam.

Em A Escolha Maxon ta cada vez mais decidido a ter América como sua nova rainha, mas a America, meu pai do céu, tem muitas horas que ela me tira do sério... As vezes eu tenho vontade de sacudir ela. Eu usei aquele famoso termo pra definir América nesse livro.... Ela não caga e não sai da moita pra outro cagar kkkkk, pqp, eu ficava pensando, minha filha, tome uma decisão logo, pare de enrolar e se enrolar.

Mas tirando essa indecisão da América, que ainda assim não atrapalham em nada, a forma como tudo acontece aqui é sensacional. A historia com os rebeldes, aquele nojento daquele Rei ( sim o pai do Maxon definitivamente é um nojento ), a mãe tão contida e compenetrada, a familia da America, as revelações das 4 ultimas pretendentes ao cargo de Esposa e Princesa para Maxon, tudo é muito bom.

Fiquei muito triste com uns acontecimentos finais. Mas fez tanto sentido pra historia, que ta, a gente fica triste mas entende.

Agora pelo que minha especialista aqui em casa me disse, tenho um livro de contos, antes de partir pros 20 anos depois com A Herdeira..... então bora la continuar a historia de Maxon e América, que de verdade me deixou muito muito feliz de ter conhecido.



Sinopse : www.skoob.com.br 


Quando foi sorteada para participar da Seleção, America não imaginava que chegaria tão perto da coroa - nem do coração do príncipe Maxon. Com o fim do concurso cada vez mais próximo, e as ameaças rebeldes ao palácio ainda mais devastadoras, ela se dá conta de tudo o que está em risco e do quanto precisará lutar para alcançar o futuro que deseja.
America já fez sua escolha, mas ainda há muitas outras em jogo... Aspen, seu antigo namorado, terá de encarar um futuro longe dela. E Maxon precisa ter certeza dos sentimentos da garota antes de tomar a grande decisão, ou acabará escolhendo outra concorrente.

quarta-feira, 16 de outubro de 2019

A Elite ( #2 A Seleção ) - Kiera Cass

Segundo livro da série, e de verdade to adorando. Achei esse livro um pouquinho mais enrolado do que o primeiro, mas gostei de como as coisas aconteceram, apesar de ter ficado com raiva da América quase que o livro todo.

As vezes me pergunto porque nasci mulher, porque geralmente eu torço mais pelos mocinhos e defendo muito mais eles com unhas e dentes do que as mocinhas. Algumas situações e atitudes que a America se colocou nesse livro me irritaram que eu xingava ela o tempo todo kkkkk.

Mas tambem algumas outras atitudes eu adorei. Gosto de ver a interação da America com Maxon,  descobri que o pai da America é um ser ímpar, cheio de amor no coração. May, sua irmã é outra figura. Toda vez que ela aparece é risada na certa. Suas 3 criadas, Anne, Mary e Lucy são tão dedicadas, tão cúmplices que da vontade de pegar pra gente.

Agora ficaram só 6 escolhidas, ou seja, A Elite das meninas. America claro que me irrita mais do que me faz torcer por ela. Kris que ta doida pra ficar com Maxon mas que eu definitivamente não quero, Celeste continua sendo a vaca hiprocita e interesseira de sempre. Elise que chora e se cala mais que tudo, Natalie que pra mim não fede nem cheira kkkk, e juro que as outras esqueci, tamanha falta de importancia que elas tem.

America ta naquele estágio que nao caga e nao sai da moita. Ela quer Maxon, mas não quer. Quer que ele fique com ela, mas ela quer mesmo é o Aspen, que agora na ta área com o intuito de proteger América ate dela mesma.... quis matar ela muitas vezes ( de novo)  principalmente quando Ela e Aspen aparecem juntos.

Fiquei com muita muita bronca do Rei, que homem asqueroso, fdp, cruel... e mesmo sendo Rei nada justifica suas atitudes, ja a rainha é uma Lady, a verdadeira Rainha, mesmo.

Quis ler esse bem rapidinho porque não vejo a hora de ler A Coroa pra saber o que vai acontecer. Principalmente depois dos acontecimentos finais desse livro, o que Maxon fez por Marlee, a forma como ele toa decisões, a forma como ele tenta conduzir tudo, e principalmente as declarações dele pra América. Confesso que queria que America sofresse um bocadinho ( não muito ta, só pra ela entender que ta agindo mal), se bem que quando ela se vê na sinuca de bico que ela mesma se colocou, da pra perceber que ela percebeu que fez merda rrss.

Vamos A Coroa pra entender mais sobre essa historia que sim, to adorando !!!!



Sinopse : www.skoob.com.br 

A Seleção começou com 35 garotas. Agora restam apenas seis, e a competição para ganhar o coração do príncipe Maxon está acirrada como nunca. Quanto mais America se aproxima da coroa, mais se sente confusa. Os momentos que passa com Maxon parecem um conto de fadas. Mas sempre que vê seu ex-namorado Aspen no palácio, trabalhando como guarda e se esforçando para protegê-la, ela sente que é nele que está o seu conforto. America precisa de mais tempo. Mas, enquanto ela está às voltas com o seu futuro, perdida em sua indecisão, o resto da Elite sabe exatamente o que quer e ela está prestes a perder sua chance de escolher.

sexta-feira, 11 de outubro de 2019

A Seleção ( #1 ) - Kiera Cass

Há anos gente, anos mesmo, pelo menos uns 6 anos, a filhota dessa blogueira que vos escreve me fala, ¨ Maeeeeee, voce precisa ler A Seleção, voce precisa conhecer Maxon e América, voce precisaaaaaaaa ler essa série ¨ ..... e eu dizia que uma hora eu leria, uma hora me daria vontade, mas essa hora demorou... mas finalmente chegou... e confesso que gostei muito da leitura.

Por muito que muita gente ache que é um livro juvenil, até é, mas é legal. Tem uma inocência bem bonitinha, mas tem uma pegadinha tambem. O ¨namoro ¨da America com Aspen é bem fofo, e quando ela chega no Palácio e conhece o Principe Maxon fica ainda mais fofo.

Eu não vou escrever muito sobre o livro, porque como há anos eu ouço a filhota falar dessa histotia, eu ja sei o que acontece, então apesar de estar no primeiro, ja sei como tudo vai acabar, por isso tenho medo de escrever o que não devo. 

A unica coisa que pensava a cada página, cada capítulo era como essa historia me remetia a Jogos Vorazes. Em como America me fazia pensar na Katniss. Não, elas não tem nada em comum, mas a distopia, a forma como as castas aqui são divididas e lá em jogos como Panem e os Distritos tem seus beneficios e seus perrengues. Então quando América se refere as castas so me vem Jogos na cabeça rrss.

Gostei muito da personalidade da America, apesar de achar ela uma besta ja perto do final do livro, mas gosto da sinceridade dela, da forma como ela finalmente passa a enxergar o Principe e sua nova situação, e me diverti com a interação dela e Maxon.

Agora vamos ver o que me espera no segundo livro, já sei que vou passar raiva porque tem situações que me irritam, mas vamos lá ne rrss.



Sinopse : www.skoob.com.br 

Nem todas as garotas querem ser princesas. America Singer, por exemplo, tem uma vida perfeitamente razoável, e se pudesse mudar alguma coisa nela desejaria ter um pouquinho mais de dinheiro e poder revelar seu namoro secreto.
Um dia, America topa se inscrever na Seleção só para agradar a mãe, certa de que não será sorteada para participar da competição em que o príncipe escolherá sua futura esposa.
Mas é claro que seu nome aparece na lista das Selecionadas, e depois disso sua vida nunca mais será a mesma..

quinta-feira, 3 de outubro de 2019

O natal de um dark hunter Dark Hunters 6.1

Um conto bem rapidinho de mais um Dark Hunter, porque são muitos livros, então vez ou outra, entre um livrão e outro, tem um conto.... Confesso que já to toda perdida nessa ordem kkkkk, mas vamos seguindo em frente ;)







Sinopse : www.skoob.com.br 


Nascido no final do século, sua chegada ao mundo serviu para mergulhar ainda mais na miséria o casamento de seus pais, dois imigrantes.

James Cameron Patrick Gallagher nasceu do ressentimento. E as circunstâncias não melhoraram quando sua mãe deu a luz na parte trazeira da fábrica onde trabalhava como uma escrava - lugar que deveria ter sido declarado como construção em ruínas - e por ser uma mulher tímida e não queixosa que teve que retornar para o trabalho algumas horas depois de ter entregue o bebê nos braços de um pai nervoso e alcoólatra, um pai que se caracterizava por não prestar qualquer atenção a seu filho - quando tinha um bom dia - e por ser bastante violento - em seus piores momentos. Jamie passou a maior parte de sua vida, do momento que seus pulmões se encheram de oxigênio ao nascer, lutando por algum respeito.

Dança com o Diabo ( Dance With the Devil #7 Darkhunters ) - Sherrilyn Kenyon

Desde que comecei a ler essa série, criei a maior das expectativas pra conhecer dos personagens... Asheron e Zarek.... Asheron sei que ainda ta longe de eu conhecer ( ainda tem muitos livros até eu chegar ao livro dele ), mas que felicidade chegar ao livro do Zarek, e que livro mais lindo.

Logo no primeiro livro fiquei encantada por Julian, mas me apaixonei por Zarek. O Caçador Escuro é pura casca. Por dentro é um homem que precisa muito, muito, muito amar e principalmente ser amado.

Recluso, longe do convivío de qualquer outro ser, ele esta isolado na gelada Alaska, mas quando a vaca ( pqp que odio dessa ruiva ) da Artemisa decide que chegou a hora de eliminar Zarek do convívio com qualquer  ser, Asheron intervem e pede à Astrid, uma das ninfas da justiça o julgue, mas sem saber absolutamente nada dele, ela tem 10 dias pra decidir, justamente, se ele merece ou não continuar sobre a terra.
 
Astrid precisa e muito ser totalmente imparcial, julgar Zarek sem olhar para ele, sem saber o que encontrar quando olha pra ele, exceto pelo que vai em seu coração e sua alma. E quando ela começa de verdade a enxergar e entender quem e o que, e principalmente porque Zarek é o que é, Astrid se encanta por ele como nunca havia se encantado por ninguém. E, principalmente, nunca em sua existência, a Deusa inocentou alguém. Todos à qual ela foi incumbida de julgar, eram culpados, mesmo àquele que quase a enganou e a deixou muito decepcionada, mas com Zarek, algo se agita dentro dela e a faz querer conhecer cada dia mais o enigma que ele é.

Quando Zarek começa a se abrir, a citar ¨O Pequeno Principe ¨ pra ela, aos poucos todas as barreiras que Astrid precisa manter erguidas para sua própria proteção, caem por terra. E, é tão lindo ver a forma como eles se apaixonam, como ele precisa do carinho, do afago, do aconchego de Astrid.

Até agora esse foi meu livro favorito. Ri e chorei, senti raiva e amor,  tudo ao mesmo tempo. Simi me arrancou muitas risadas. Asheron ta me deixando cada vez mais curiosa, Zarek e Astrid me arrancaram várias lágrimas e suspiros.... adorei , adorei !!!!

Compre na Amazon 




Sinopse : 

Dark-Hunter: Um guardião sem alma que fica entre a humanidade e aqueles que veriam a humanidade destruída. Okay, certo. A única parte do código de honra que recebi foi a eternidade e a solidão.

Insanidade: Uma condição que muitos dizem que sofro depois de ficar sozinho por tanto tempo. Mas não sofro da minha insanidade - aproveito cada minuto dela.

Confiança: não posso confiar em ninguém ... nem em mim. A única coisa em que confio é na minha capacidade de fazer a coisa errada em qualquer situação e machucar qualquer um que atrapalhar.

Verdade: Passei a vida inteira como escravo romano e 900 anos como caçador escuro exilado. Agora estou cansado de aguentar. Quero a verdade sobre o que aconteceu na noite em que fui exilado - não tenho nada a perder e tudo a ganhar.

Astrid (em grego, que significa estrela): Uma mulher excepcional que pode ver diretamente a verdade. Corajosa e forte, ela é um ponto de luz na escuridão. Ela me toca e eu tremo. Ela sorri e meu coração frio se despedaça.

Zarek: Eles dizem que mesmo o homem mais maldito pode ser perdoado. Eu nunca acreditei que até a noite em que Astrid abriu sua porta para mim e fizesse essa fera selvagem querer ser humana novamente. Me fez querer amar e ser amado. Mas como pode um ex-escravo, cuja alma pertence a uma deusa grega, sonhar em tocar, e muito menos segurar, uma estrela de fogo?

domingo, 29 de setembro de 2019

Livros Lidos - Setembro 2019

E mais um mês se foi, e eu achando que não ia conseguir ler muito, mas dei conta bonito das leituras e releituras ... li mais um da minha amada série Outlander, e matei as saudades de todos, ou quase,  daqueles cretinos irresistíveis.



Então vamos à lista :

  1. Outlander ( #2 A Libélula no Âmbar ) - Diana Gabaldon 
  2. Estranho Irresistível ( releitura ) - Christina Laureen 
  3. Paixão Irresistível ( releitura ) - Christina Laureen 
  4. Abraço da Noite ( #3 Série Darkhunters ) - Sherrilyn Kenyon
  5. Porque os Homens Mentem e as Mulheres Choram - Allan e Barbara Peace 
  6. Simplesmente Irresistível ( releitura ) - Christina Laureen 
  7. Adivinhe quem Sou ( #1 ) - Megan Maxwell 
  8. Adivinhe quem Sou esta Noite (#2 ) - Megan Maxwell 
  9. Playboy Irresistível - Christina Laureen 
  10. Sempre Irresistível - Christina Laureen 
  11. Noiva Irresistível - Christina Laureen 
  12. Chefe Irresistível - Christina Laureen 



E foi isso... até o mês que vem gentem !!!!!