Seguidores

quinta-feira, 28 de março de 2019

Corte de Gelo e Estrelas - Sarah J. Maas

¨ Às estrelas que ouvem Feyre .... 
Aos sonhos que são atendidos Rhys ¨


Dona Sarah J, Maas tem o dom de derrubar a gente, seja com 400 ou 200 páginas ne.... porque esse pequenininho ai me deixou com o coração tão quentinho de reler de novo Rhys e Feyre. Mor, Amren, Azriel, Cassian, Elain, Nestha.

Sinceramente, apesar de ter amado o livro por, como eu disse, matar as saudades desses personagens queridos, achei o livro desnecessário. Não acrescentou nada a historia, poderia ter sido adicionado uns capítulos a mais no ultimo livro, mas ja que tinha ne... a gente lê.

Fiquei com muita pena de Tamlim, da Nestha, do Cassian e do Lucien, afinal eles não se resolveram ainda... então to acreditando, piamente, que a próxima série será deles, sobre eles.

Me emocionei demais, como sempre, com Rhys e Feyre. Que lindeza esse laço deles. Quanto mais deles melhor, e depois do presente que Feyre ofereceu a Rhys pelo Solstício de Inverno, fiquei com mais vontade ainda de ler mais e mais sobre eles... O negocio é esperar e ver o que vem por ai.



Sinopse : www.skoob.com.br 


O aguardado spin-off da série Corte de Espinhos e Rosas. Feyre, Rhys e seu círculo íntimo de amigos ainda estão ocupados reconstruindo a Corte Noturna e tentando manter a paz, conquistada a base de muito esforço e perdas pessoais, após a queda da muralha. Mas o Solstício de Inverno finalmente está próximo e, com isso, um alívio merecido. Compras, festas, celebração e a promessa de dias tranquilos. A atmosfera festiva não consegue, entretanto, impedir que as sombras da guerra se aproximem. Em seu primeiro Solstício como Grã-Senhora, Feyre ainda lidando com os horrores do passado recente, e percebe que seu parceiro e sua família têm mais cicatrizes do que ela esperava – cicatrizes que podem impactar o futuro, e a paz, de sua Corte.

quarta-feira, 27 de março de 2019

Desafio de Leitura do Facebook

Eu adoro essas brincadeiras ne gente... Tags, desafios, e uma amiga me marcou num desafio do Facebook durante 10 dias. ... e tudo começou assim .... La no Facebook eu não explique os motivos das escolhas, mas aqui vou dar uma explicadinha básica ta gente rrss


O post era esse ...

A convite da minha amiga ...durante dez dias, vou publicar dez livros que marcaram minha trajetória como leitora. Sem comentários e explicações, apenas a capa, e a cada dia, desafiarei uma pessoa a continuar. 
Dia 00 de 10.

Aceita .... ? 








O escolhido numero 1 foi esse... o primeiro livro que me lembro de ter lido e me apaixonado na escola . Durante a vida escolar a gente lia muito naquela época, mas esse é o primeiro que tenho no coração. Nem lembro com que idade li, mas sei que marcou,














O segundo escolhido, foi por vontade propria, não por obrigaão da escola. E lembro que tomei tanto coice enquanto lia esse livro. Foi uma porrada atras da outra, e não sei as edições mais atuais, mas a edição que eu tinha, havia muitas fotos nele, da fase mais punk da Cristiane, com ela drogada nos banheiros publicos do metro de Amsterdã, com seringas e agulhas jogadas proximas à ela, um choque pra uma menina de 14 anos daquela época, onde não se tinha a facilidade da informação que se tem hoje em dia.












O terceiro escolhido, foi por imposição da escola e virou um dos meus livros favoritos da vida.  A primeira vez fiquei louca da vida com a Capitu, e achando o Bentinho um coitado... Ai li de novo e de novo e de novo.. e fiquei foi garrada num odio de Bentinho rrss... Bicho besta de homi ciumento e cheio de caraminhola na cabeça. Não que eu tenha achando a Capitu santa, nunca, mas tambem não é o demonio que ele quis que ela fosse pra ele e pra gente.... :)









O quarto livro é o que tenho de mais velho na minha estante hoje, simmmmm, porque eu ainda tenho essa mesma edição que é de 1980 e poucos rrss. Feliz Ano Velho foi um livro que na época escolhi pra ler por ser baseado em fatos reais acho que ele foi o meu pontapé inicial pra gostar de livros de biografia e baseado em fatos reais. Lembro de sofrer junto com o Marcelo quando lias seu relato e me diverti quando ele contava as coisas engraçadas durante essa jornada que o fez ficar paraplégico.













A minha escolha pro quinto livro, peguei o livro que é meu favorito dos que li nos ultimos tempos. Leio Agatha desde menina e não me lembro qual  foi o primeiro dela que li naquela época, e como resolvi reler os livros dela, escolhi esse que hoje é meu favorito... Suas historias são sempre surpreendentes, mas esse pra mim foi o mais ¨diferentão¨. E apesar de eu nunca adivinhar o assassino de suas historias, nesse livro eu diria que é quase impossível.    Pra mim foi, porque é surreal quando ele é revelado.









Na minha sexta escolha não podia faltar essa série que mudou completamente minha vida de leitora adulta. Li a série Harry Potter um pouco antes de completar 30 anos e me apaixonei completamente. Um novo mundo se abriu pra mim. Fiquei alucinada e, diferente da minha filha que tambem é apaixonada, mas que ja conhecia os filmes quando resolveu ler os livros, eu não. Não existiam os filmes quando comecei a lei os livros, então de alguma maneira foi muito mais interessante imaginar tudo.










Agora quando pensei em Como Eu Era Antes de Voce como minha sétima escolha, só pensei na cacetada que tomei quando li o final. Em nenhum momento eu acreditei que a Jojo faria o que fez com Will e Louisa. Eu tinha esperança o tempo todo de que eles ficariam lindos e felizes para sempre. E foi com essa historia e esse livo que eu cheguei a conclusão de que os finais nem sempre são felizes nas historias que lemos, mas ele pode ser lindo tambem.










O oitavo livro, que na verdade é uma trilogia, escolhi esses que de novo, mudaram minha vida como leitora. Agora leitora como adulta. Descobri um novo nicho de autoras, de historias e que apesar de muita gente amar, muita gente odeia. Pra mim foi um divisor de  águas na minha historia como leitora. Claro que eu amo 50 tons, mas depois dele ja descobri muitas autoras fantasticas, muitas historias emocionantes, com ou sem essa pegada hot, muita leituratura adulta de verdade, com erotismo, com putaria sem pudor e muitos personagens amados e odiados rs.




Minha penultima escolha pra esse desafio é ate engraçado, porque lutei tanto pra começar a ler ela. Todos os grupos que eu participava no Facebook falavam dessa série. Dos amados e quentes vampiros da Irmandade da Adaga Negra, e eu pensava.... ai não tenho preguiça, a série era longa demais ( na época não tinha os 16 livros principais publicados ainda ta gente rrrss). Ai entrei num grupo de amigas leitoras, que são fascinadas pela Irmandade, e elas me convenceram a ler, e ai gente, como eu sempre digo, porque sim, sou dessas ue diz isso o tempo todo .... Fudeuuuuuuu kkkkkk.
Eu me apaixonei tão perdidamente pela série, que o resultado é.... ela é toda dona da primeira prateleira da minha estante. Minha foto de perfil em algumas das minhas redes sociais somos nos 2 ( eu e os livros da IAN ) ja reli e me apaixonei ainda mais. Então eu a escolhi porque sim hoje ela é minha série favorita e o amor por ela aumenta a cada nova publicação ( que pelo que sabemos não tem fim kkkkkkk )




E como décima e ultima escolha, to entrando numa nova fase. Sei la se mais madura ou não, mas to muito, mas muito mesmo, ficada em leitura de livros Clássicos. A principio quero ler os mundiais, muito lidos e comentados por anos e anos a fio. E apesar de ter lido outros antes da minha escolha por Jane Austen, eu achei que Jane representaria bem minha escolha pois como boa amante de romances, quem melhor que Jane pra representar esse gênero que amo. Suas mocinhas, seus mocinhos, encantam à todos ( ou quase todos ) que adentram em suas historias. Então, apesar de eu continuar amando a literatura contemporânea, agora quero cair de cabeça nos Classicos







Foi isso ... Até o próximo !!!!

Contra as Paredes ( # 4.5 Serie Cocktail ) - Alice Clayton

Diz a autora que esse é o último livro da série... apesar de ter gostado, achei ele bem fofo, mas como eu digo sempre, desnecessário. Foi só um adendo  na historia de Simon e Caroline.

Foi legalzinho lembrar a historia deles dois e as expectativas que eles estavam passando depois de um tempo de relacionamento, que é igual pra todo mundo. E, afinal o que eu gostei mesmo foi da cena do Simon paralisado no chuveiro esperando a atitude de Caroline. Foi tão bonitinho... tudo o que ele disse, que aquela cena ja valeu o livro todo.

E, apesar de ter achado o livro desnecessário, eu adoro a escrita da Alice, ela é sempre muito divertida. As pitadas de humor que ela sempre usa deixam a leitura leve e divertida, então por esse e por outros motivos a leitura dos seus livros sempre valem a pena.





Sinopse : www.skoob.com.br 

Tremores, suor excessivo, tontura, calafrios, confusão mental, pensamentos aleatórios sobre o destino inescapável das ondas… Tudo isso por causa de uma mera indagação: quando Caroline e Simon vão se casar? 

Ultimamente, o tema casamento parece estar perseguindo a nossa Garota do Baby-Doll Cor-de-Rosa, que não está sabendo lidar com isso. Ao se dar conta de que ela e seus amigos estão entrando em uma nova fase da vida – com Mimi e Ryan se casando, Sophia e Neil construindo seu (populoso) ninho e ela própria encontrando o equilíbrio perfeito entre o trabalho e o lar –, Caroline é acometida por uma questão que a deixa desnorteada: o casamento é o próximo passo natural para ela e Simon? O destino inevitável para os dois? Ou não se deve mexer em time que está ganhando?

Afinal, o relacionamento deles sempre foi fácil e descomplicado, apesar do arranjo peculiar. Talvez esse mesmo destino ofereça a resposta através de um telefonema sinistro que fará Caroline se perguntar, de uma maneira mais real do que ela gostaria, se aceita Simon até que a morte os separe.

Nesta última aventura da gangue do Trepador de Paredes e da Garota do Baby-Doll Cor-de-Rosa, não faltam emoções, risadas e uma boa dose de picância. E não, não estamos falando de tempero (uhum ). Um final com o selo Clive de aprovação.

segunda-feira, 25 de março de 2019

Eu - Ricky Martin

¨Um pouco de sinceridade pode ser  perigoso, sinceridade absoluta pode ser fatal ¨
( ele cita Oscar Wilde pela forma como aprendeu tudo, mas por sorte, ele diz que pra ele deu certo a tal da sinceridade, esmo que ela tenha demorado a chegar ) 

Que livro INCRÍVEL. Que historia !!!

Cada vez que leio uma nova Biografia me apaixono ainda mais pelo gênero, porque ler historias como essa, inspiram, nos faz repensar na nossa própria vida e principalmente desmistifica o que a televisão, o mundo do entretenimento faz com pessoas comuns, sim porque todos somos comuns  ate determinado momento.

Quando EU foi lançado ( em 2010), Ricky resolveu contar suas memórias e falar mais profundamente sobre sua vida, depois de se declarar homossexual no Twiter.

Lembro que na época foi um bum. Falou-se em tudo que foi noticiário como se a vida sexual de alguem fosse caso de noticia. Mas no caso dele sim, foi.

Nesse livro ele conta com tanta riqueza de detalhes o que foi sua jornada ate se assumir, não só pro mundo, mas principalmente pra ele. O quanto ele sofreu durante anos porque gostava do que pra todo mundo era diferente. O quanto ele amava ser quem ele era, mas ao mesmo tempo o quanto foi difícil. Ler toda sua jornada rumo ao seu próprio interior O seu auto conhecimento. O quanto ele sofreu, o quanto ele se julgava impuro, o quanto de ódio ele sentia por si mesmo, é ao mesmo tempo triste e esclarecedor. Sofri demais lendo a angustia dele, mesmo.

E quando ele fala dos filhos é de uma emoção incomparável. Sua busca em encontrar o equilibrio emocional, sua espiritualização, sua jornada nessa busca incansável de descobrir não só quem era o Enrique, o Kiki como ele é chamado pelos amigos e parentes, mas o que ele queria ser quando crescesse sabe. Do auge da fama à infelicidade profunda por ter tudo e não ter nada é realmente incrível.

Mais uma excelente leitura, e principalmente não tem nada de egocentrico no livro, nada de deslumbrante, nada de cruel... ele simplesmente conta pelo que ELE mesmo passou, viveu, cresceu e aprendeu... e ainda aprende agora com seus lindos filhos. Citar quase nas ultimas páginas a Oração da Serenidade mostra muito como ele enxerga a vida hoje.


                                   ¨O que voce pensa de mim é problema seu ¨



Sinopse : www.skoob.com.br 


Ricky Martin, o astro internacional que já vendeu mais de 60 milhões de discos em todo o mundo, fala pela primeira vez sobre as lembranças de sua infância, as experiências no grupo Menudo, a luta por sua identidade durante o fenômeno Livin' la vida loca, o momento em que resolveu assumir sua sexualidade e as relações que lhe permitiram aceitar o amor, além das decisões que mudaram sua vida, como dedicar-se a ajudar crianças no mundo todo e tornar-se pai. Eu é uma autobiografia íntima sobre o caminho libertador e espiritual de um dos maiores ícones pop-stars do nosso tempo.



sábado, 23 de março de 2019

Quinze Dias - Vitor Martins

¨O destino pode ser um escudo ou uma espada. Cabe a voce decidir ¨

Eu nunca tinha ouvido falar do Vitor ou dos livros dele até a Bienal de SP de 2018.

Infelizmente só descobri sua obra depois que a Bienal passou porque o bum dos canais e blogs de leitura com seu novo livro ( Um Milhão de Finais Felizes, que eu anda não li ) . Muita gente falando bem, muitas resenhas positivas. Ai ao invés de ler o livro do momento, peguei esse mais antiguinho... e eu adorei, mesmo.

Aqui conhecemos a historia do Felipe, um garoto de 17 anos que sofre bullyng  por ser gordo e infelizmente não sabe como lidar com essa atitude detestável dos colegas de escola. Pra sua sorte ele tem uma mãe atenciosa, divertida que o faz ser confiante apesar de tudo. Mas a insegurança dele atinge niveis que nem sua mãe pode imaginar.

Felipe era um garotinho feliz, que adorava nadar na piscina do prédio que mora, junto com Caio, seu amigo de braçadas. Ai ele cresceu, ele e Caio se afastaram apesar de continuarem vizinhos. A escola é um lugar onde ele se sente mau por conta dos insultos que sofre. Mas em quinze dias sua vida vai mudar completamente. Caio, aquele seu ex amigo nadador, seu vizinho vai passar 15 Dias na casa dele ja que os pais de Caio viajam de férias e não o levarão.

Esses 15 dias serão tão decisivos na vida de Felipe. Ele vai descobrir tanta coisa sobre ele, sobre os outros, sobre sua própria força que foi ai que eu adorei o livro. Suas descobertas são sutis, cada passo dado é o que o faz se enxergar. É bonito demais ver como ele vai criando coragem, como ele vai se reconhecendo, deixando de lado o preconceito dos outros pra com ele. E aquela cena final foi o topo do topo da mudança e terminei de ler o livro com um grande sorriso no rosto.

Achei o Caio um fofo. Tão gentil, tão sentimental, tão educado.

Enfim, o livro é uma delicia de ler, com uma mensagem muito positiva e que nos faz pensar, acima de qualquer coisa que o diferente não existe. A gente acha que sim, mas não. Existe coisas, pessoas, momentos diferentes da gente, do que acreditamos, mas é só isso. O que é preciso é respeitar e só, não aceitar, não entender, RESPEITAR, porque a vida do outro é do outro e nós não temos nada que ver com isso.

Se seu amigo ou vizinho é gordo, é magro, é homossexual, é heterossexual não é da sua conta. Não é problema seu, cuide unica e exclusivamente da sua vida e deixe que ele cuide da dele. Ensine seu filho a respeitar o que não é igual à ele, crianças apesar de crianças são muitas vezes cruéis nas ¨brincadeiras¨e muitas das vezes eles não tem ideia do que as ofensas que eles jogam pra cima de colegas, causam em quem escuta.

Respeite para ser respeitado. Simples Assim !!!!




Sinopse : www.skoob.com.br 

Felipe está esperando por esse momento desde que as aulas começaram: o início das férias de julho. Finalmente ele vai poder passar alguns dias longe da escola e dos colegas que o maltratam. Os planos envolvem se afundar nos episódios atrasados de suas séries favoritas, colocar a leitura em dia e aprender com tutoriais no YouTube coisas novas que ele nunca vai colocar em prática. 

Mas as coisas fogem um pouco do controle quando a mãe de Felipe informa que concordou em hospedar Caio, o vizinho do 57, por longos quinze dias, enquanto os pais dele estão viajando. Felipe entra em desespero porque a) Caio foi sua primeira paixãozinha na infância (e existe uma grande possibilidade dessa paixão não ter passado até hoje) e b) Felipe coleciona uma lista infinita de inseguranças e não tem a menor ideia de como interagir com o vizinho. 

Os dias que prometiam paz, tranquilidade e maratonas épicas de Netflix acabam trazendo um turbilhão de sentimentos, que obrigarão Felipe a mergulhar em todas as questões mal resolvidas que ele tem consigo mesmo.

quinta-feira, 21 de março de 2019

As Pequenas Coisas ( Conto Chewie e Becca ) - Lola Salgado

Eu preciso, muito, trabalhar esse meu TOC de não conseguir deixar leituras de lado quando não acho que são necessárias viu gente... As vezes fico com raiva de mim mesma por isso.

Eu AMEI, de paixão, mesmo, A Linguagem do Amor ( resenhei AQUI ... o primeiro livro que li da Lola, ai ela publicou esse conto, e na hora pensei.... ah não vou ler não, deixa pra lá, porque a historia do livro em si já foi tão linda que não tem necessidade de eu ler continuação, conto, seja la o que for.

Aiiiiiii, esse meu TOC não me permiteeeeeee, fico pirando sabendo que tem um conto, algo a mais na historia e eu não li ainda. Fui ler, pra queeeeeee ?????

Não é ruim, é triste e fofo, mas não acrescentou nada a historia. Então, apesar de ser curto, eu naooooo precisavaaaaa ter lidoooooo rrss... Uma hora eu aprendo... juro !

Compre na Amazon 





Sinopse : www.skoob.com.br 

“O problema é que a felicidade não é sólida e inatingível como uma parede de concreto. Pelo contrário. A vida é inconstante e, mesmo nos momentos mais felizes, existem espaços de vazio e incerteza.”

Depois de 6 anos de casados, Rebecca tinha tudo para estar vivendo o seu ‘felizes para sempre’, mas quando a rotina se instala e as dificuldades do dia-a-dia aparecem, é impossível ignorar a enorme sensação de se encontrar em uma rua sem saída, incapaz de seguir adiante.
Tudo o que Adônis mais anseia é ajudá-la, porém em meio as suas frequentes viagens a trabalho, eles parecem se desencontrar cada vez mais.
Aos poucos, eles vão perceber que só há um jeito de recuperar a relação e encontrar o equilíbrio — descobrindo o valor das pequenas coisas.

quarta-feira, 20 de março de 2019

TAG Séries de Tv

Faz tempo que não publico uma Taguezinha .. então tinha essa qui anotadinha que vi ha um tempinho no Blog Queria Estar Lendo e anotei pra poder responder,  então aqui estou eu ;)




Então vamos responder às perguntas ne, adicionei mais algumas que não tinham na versao

1 - Uma série que você nunca assistiu ? 
R : No mundo de hoje, com Netflix nos fazendo perder a vida social ne gente (rs) tem muita série que a gente não assistiu e nem vai, porque nem 7 vidas seria capaz de nos fazer ver todas, então essa categoria não vou mencionar nenhuma específica pra não deixar a lista de nunca assistidos gigante.

2 - Uma série que você gosta mas que ninguém que voce conhece assiste  ? 
Aqui em casa ela é a rainha das séries. Se na tv não tem nada de interessante pra assistir, todo mundo já sabe o que vai rolar na Tv  Não importa que a série é antiga, a gente gosta assim mesmo. Eu não diria que ninguem que eu conheço assistiu, ate tem sei la, uma, duas pessoas que conhecem do meu circulo de amigos, mas no geral quando eu falo, todo mundo diz, nunca assisti .. to falando de Todo Mundo Odeia o Cris ... aqui em casa é diversão na certa



3 - Uma série que você assistiu ? 
Nossa muitas... Ao longo dos anos vou mudando meu gosto, mas uma coisa ja meti na cabeça, gosto de séries tiro porrada e bomba, não importa o tema. Pode ser violenta, sanguinária, romântica, qualquer coisa, desde que não seja parada, massante. Lembro da primeira serie que assisti na adolescência foi Barrados no Baile, febre naquela época e de la pra cá nunca mais parei. Claro que não vou lembrar o nome de todas, mas nos últimos anos, tive algumas preferidas, outras que me enjoaram ao longo do caminho e deixei de lado sem dó nem piedade.  Então pra mencionar tem Breaking Bad, Plantão Mèdico, Sons of Anarchy, Narcos, Arrow, The Walking Dead, Flash, Revenge, 13 Reasons Why,  Pablo Escobar O Senhor do Tráfico, How To Get Away with Murder, Greys Anatomy, e muitas outras.





4 - Uma série favorita atualmente  ? 
Se essa pergunta fosse feita pra minha filha, filho ou marido a resposta deles seria imediata e unanime .... OUTLANDER ... simmmm é minha série favorita hoje. To assistindo outras mas essa é a top top top do momento. Ja vi 3 vezes cada temporada, to lendo os livros publicados e quero cada vez mais rs





5 - Uma série que você tem preguiça ? 
Essa é facil, respondo logo de pronto... Game os Thrones... não tenho vontade nenhuma de assitir... Não digo que nunca vou, quem sabe quando ela tiver finalizada, eu pense duas vezes, mas hoje .... na na ni na não.



6 - Uma série que você assistiria tudo de novo  ? 
No Então .. aqui eu poderia escrever o que.... a óbvia ne... Outlander, mas como ja mencionei que assisti 3x cada temporada, não vou me repetir aqui, vou mencionar outra. Apesar de eu amar Greys Anatomy, acho que ta muito longa, então hoje, eu não assistiria de novo ( talvez daqui uns anos sim, mas vou no mesmo gênero . Em 1994 estreou uma série chamada E.R., que aqui tivemos o nome de Plantão Médico. E apesar dela ser bem longa ( teve 15 temporadas no total ) era sensacional Bem no estilo que eu gosto.




7 - Uma série que você indica  ? 
Ahhhh gente... é covardia.... kkk lógico que vou indicar Outlander kkkkkkkk... Ta não vou. vou indicar uma que o começo o meio e o fim fazem total sentido, a historia é muito boa, não fica cansativa nunca, e quando foi ao ar ja tinha o final decidido, ou seja, não foi estendida ... To com raiva de Arrow e The Walking Dead por isso... Ja deu ne gente, muitos anos, muita enrolação... Então vou citar Breaking Bad ... Muito boa a série, a dinâmica, os atores, tudo... Assistimos numa tacada só, eu e marido.



8 - Uma série que você não tem a menor vontade de assistir.
Nunca digo nunca, masssssss não tenho vontade de assistir The Vampire Diares, Riverdale, Supernatural, Shadowhanters, Dr. House, nenhuma de terror, nenhuma mesmo ... e mais algumas outras

9 - Uma série que comecei e acabei desistindo  ? 
: Eu adorei  o livro, gostei muito da primeira temporada, apesar de ter achado que se estendeu demais, mas quando fiquei sabendo que ia ter segunda temporada, já falei logo de cara, to fora... não tem mais historia, só vão inventar muito, que é 13 Reasons Why 





10 - Uma série que você esta assistindo no momento...  
No momento to vendo 3 ao mesmo tempo... How to get Away With Murder, Greys Anatomy e Outlander .... Uma melhor que a outra...





11 - Uma série que você quer assistir em breve.  
 Tem varias ne gente, mas to pensando em umas em primeiro lugar : Lúcifer, Scandal, Pequenas Grandes Mentiras, O Conto da Aia, Downtown Abby e algumas mais. 


Então é isso gente... tchauzinho e até a próxima ;)


segunda-feira, 18 de março de 2019

A Mulher Entre Nós - Greener Hendricks e Sarah Pekkanen

Não sei nem por onde começar a resenhar esse livro.

Uma coisa preciso ficar atenta, ler e reler cada frase que for escrita, porque esse é um livro que é muito fácil de dar spoiller.

Comecei o livro sabendo que era um suspense. Não é um gênero que leio com muita frequência. e como gosto de quase todos, encarei de frente, mas sem imaginar o que viria pela frente. Apesar de amar ler spoiller, alguns livros tambem gosto de ler às cegas, e um suspense, deixa de ser um suspense se a gente souber o que acontece né, então me segurei pra não saber nadica de nada, mesmo.

O que se sabe, inicialmente, é que o livro é narrado por duas personagens femininas. Vanessa, uma jovem mulher de 37 anos, recém separada, que está no fundo do poço. Depois de ter uma vida de rainha, ela se vê desesperada porque seu ex marido vai se casar, e ela só tem um propósito, infernizar a vida de Richard e de sua nova jovem noivinha.

Do outo lado temos Nelly. A noiva de Richard. Nelly é a moça que chegou há pouco em Manhattan , professora de educação infantil que ama seu trabalho e complementa sua renda sendo garçonete tambem. Amiga e companheira de apartamento de Samantha, as duas estão sempre juntas. Ate Richard aparecer na vida de Nelly e os planos de casamento se tornarem mais importantes que tudo em sua vida.

Com capítulos alternados, Nelly e Vanessa vão nos contando o que elas tem passado, cada uma com suas neuroses. Como eu disse Vanessa esta determinada a não deixar Richard se casar, e Nelly, por um episódio ocorrido no seu passado, é paranoica. Acha que esta sendo seguida o tempo todo. Quando seu telefone toca e ninguém fala nada, ela acha que seu passado esta retornando, e vive nessa tensão a vida toda.

Lemos esses pontos de vista ate o final da primeira parte do livro. Cheguei no último capítulo da primeira parte.... eeeeeee... tive que ler duas vezes pra ver se tinha entendido direito o que li naquelas paginas, porque fiquei ... ahhhh, o que, nãoooo, como pode ser.. A gente não percebe nada e tava quase na nossa fuça... eu disse quase ta rrss.

Quando a segunda parte começa eu devorei o livro. Ou seja do meio pra frente, li mais rápido do que só a primeira parte inteira. Não queria largar o livro, fiquei numa tensão pra saber como tudo ia desenrolar. E eu adorei tanto, tanto, que depois que finalizei, fui atras das resenhas negativas pra saber porque as pessoas não tinham gostado, eu entendi o motivo delas, mas eu não... eu de verdade adorei. Até o Epilogo, que pra muita gente não precisava nem existir.

Uma das muitas coisas que me impressionou nessa leitura, é como nosso cérebro é facilmente enganado kkkkkk. Pelas atitudes dos personagens, e nem posso dizer desse ou daquele, foi de todos. Como a gente sempre acha que ta abafando na vida, e sabendo de tudo, e no fundo a gente ( no caso eu ta, sem querer ofender ninguem aqui ), não sabemos de nadica de nada. Houve vários momentos que fiquei com tanta pena de todo mundo. Em outros sentia uma raiva de todo mundo ser tão calmo, eu queria gritar com esse povo, sacudir o cérebro mesmo pra dizer, valha-me acorda minha gente. Vanessa com aquela mania de perseguição, Nelly com aquela calmaria na atitude que me fazia virar os olhos, Richard com aquelas atitudes excessivas que no começo até agrada mas depois dá uma angústia só. E, o que as autoras nos apresentam como causa de tudo, faz tanto, mas tanto sentido, que quando terminei a leitura, pensei num filme ai, que não posso mencionar, senão quem não leu ja vai matar a charada, mas é antiguinhooooo que só rrss


Enfim, eu ficaria escrevendo aqui, sem parar, mas vou parar porque não quero escrever mais do que devo. Mas é uma leitura fantástica, um plot twist que me deixou mesmo de queixo caído e que no final, deixou toda a historia bem amarrada, sem nenhuma pontinha solta... ou melhor, eu queria um pouco mais sobre a irmã de Richard, Maureen, pra mim tem caroço no angu daquela mulher la, mas vai ficar pra minha imaginação mesmo rrss. 




Sinopse : www.skoob.com.br 


Um livro de suspense que explora as complexidades do casamento e as verdades perigosas que ignoramos em nome do amor.

Aos 37 anos, a recém divorciada Vanessa está no fundo do poço. Deprimida, morando no apartamento de sua tia, ela não tem filhos, dinheiro ou amigos verdadeiros. Ao descobrir que Richard, seu rico e carismático ex-marido, está prestes a se casar de novo, algo dentro de Vanessa se quebra. A partir de agora, sua vida irá revolver em torno de uma única obsessão: impedir esse matrimônio. Custe o que custar.
Na superfície, Nellie se parece com qualquer outra jovem bela e sonhadora que veio para Manhattan começar sua tão sonhada vida adulta. Mas a personalidade tranquila que ostenta é apenas uma fachada. Em sua mente, perdura um segredo que a fez fugir de sua cidade natal e que a impede de caminhar em paz quando está sozinha.
Ao conhecer Richard – bem sucedido, protetor, o homem dos sonhos – ela finalmente começa a sentir-se segura. Ele promete protegê-la de todos os males, para o resto de sua vida. Mas, de repente, ela começa a receber ligações misteriosas. Fotografias em seu quarto são movidas de lugar. O lenço que ela planejava usar em seu casamento desaparece. Alguém está perseguindo a, alguém quer o seu mal. Mas quem?

Entre Amigos ( Conto ) - Julianna Costa


Um conto ... Erótico... De dois amigos ... só !

Compre na Amazon 





Sinopse : www.skoob.com.br 

Max está com a confiança abalada depois de ouvir da ex-namorada algumas críticas sob sua performance na cama. Natalie, sua melhor amiga, busca sua primeira experiência com um homem. Os dois, então, decidem fazer um acordo que tanto por acabar em benefícios mútuos como em completo desastre. 
Conto erótico. Conteúdo adulto.

sábado, 16 de março de 2019

Presentes de Aniversário Mais que Esperados


Eu amo de paixão fazer aniversário, não importa que fiquei um ano mais velha, que os cabelos brancos estão aparecendo a cada novo dia, eu adoro... e melhor do que comemorar mais uma primavera junto de quem a gente ama, é ganhar Livros de presente pra quem os ama.




Dos cinco, quatro são coleções que iniciei então preciso completa-las, lógico. e três ainda não li, mas ja adicionei à pilha de próximas, porque serão mesmo proximas, vou passar tudo na frente kkkk.




Agora ... Os Miseráveis.... ahhhhh Os Miseráveis, esse vai ter post, novelinha,  organização de leitura, tudo, tudinho só pra ele.... Porque ele merece muito essa dedicação especial. Não vejo a hora de começar a ler essa lindeza de livro, edição e historia








Dearest Ivie #15.5 IAN - J.R. Ward

Ahhhhh só pra gente não ficar com aquele buraco no peito por conta da espera entre um livro e outro da série da Irmandade da Adaga Negra.

Pela numeração ele esta entre  o livro A Escolha e A Ladra. Uma especie de spin-off , Nenhum  Irmão aparece, Jane e Manello dão o ar da graça em dado momento, mas é o máximo que veremos sobre tudo da Irmandade.

Aqui conhecemos Ivie, uma das enfermeiras que trabalha pra Havers. E Silas, um aristocrata da  glymera que vive num mundo total e completamente diferente do mundo de Ivie.

A paixão que eles vivem é arrebatadora, e bem bonitinha.... Ela uma jovem vampira, ele com duzentos anos passados, se entenderm logo de cara, ambos com muito bom humor, ate que um episódio faz com que ambos revejam sua vida toda.

Leitura bem rapidinha, como eu disse pra matar as saudades, mesmo.

A Universo dos Livros já publicou nas suas redes que em 2019 sairá mais 3 livros da diva Ward. Então é sentar e aguardar.

Compre na Amazon 




Sinopse : www.skoob.com.br 

Em uma novela exclusiva de e-books ambientada no mundo da Irmandade da Adaga Negra, J. R. Ward, autor do best-seller nº 1 do New York Times, conta a história de um casal fogoso. . . condenado por uma paixão inegável.

O último lugar que Ivie espera ser abordado por um homem devastadoramente bonito está em um bar de charutos cheio de fumaça, raramente frequentado por vampiros - mas aqui está ele. Silas é paquerador, galante e, acima de tudo, misterioso. Ivie é tudo menos isso. Uma enfermeira na clínica de Havers e filha de um motoqueiro, Ivie está acostumada a falar o que pensa. Então ela faz. Como os aristocratas raramente escolhem mulheres de sua classe, Ivie pergunta a Silas que tipo de jogo ele acha que está jogando.

Apesar de seu exterior vigiado, Ivie se rende ao desejo feroz que sente por Silas. E, no entanto, assim como o namoro deles está esquentando, ele revela que não pode durar, pois está fadado a retornar ao Velho Mundo. Seu vínculo só se aprofunda ao aproveitarem ao mesmo tempo seu precioso tempo juntos. Mas quando ela descobre a verdade, Ivie precisa encontrar uma graça salvadora - antes que tudo esteja perdido. . . .

quarta-feira, 13 de março de 2019

Historias de Meu Romeu - Leisa Rayven

Pra finalizar essa série de maneira bem romântica, Leisa nos presenteia com 3 contos dos 3 casais que conhecemos em Meu Romeu, Minha Julieta e Coração Perverso.

Aquela leiturinha rapidinha só para matar as saudades.

Nada de novidade, exceto que um dos casais conta um pouco mais seu momento.

Vale a leitura mas não é um ¨nossaaaaaa que leitura indispensável ¨😉




Sinopse : www.skoob.com.br 

Os casais mais sexy, hilários e apaixonantes de Leisa Rayven estão de volta em três contos inesquecíveis:

Cassie e Ethan estão noivos e apaixonados como nunca. Eles estão indo passar o Natal na casa dos Holt e, apesar de Cassie insistir em cozinhar para a ocasião, todo o resto parece perfeito. Isso até que um fantasma do passado regressa para fazê-los questionar: o amor deles é mesmo maior do que tudo?

Elissa e Liam estão há meses sem se ver, cada um trabalhando em um canto do mundo. Mas Liam está preparando uma surpresa incrível (e sexy!) para sua noiva. Eles vão partir em uma viagem de férias, mas Elissa ainda não sabe o destino. Chegando lá, os dois terão muito mais surpresas do que esperavam...

Josh e Angel também estão longe um do outro por causa do trabalho, e ele não sabe lidar com o ciúme de vê-la contracenando com outro homem. Sua insegurança faz com que Josh invista mais em seu corpo, e ele exibirá sua nova aparência na épica festa à fantasia de Ano-Novo de Marco, onde estará todo o pessoal da Grove. Até a meia-noite chegar, ele perceberá, vestido de super-herói, que tem superpoderes que nem imaginava.

terça-feira, 12 de março de 2019

Felicidade Clandestina - Clarice Lispector

Ler Clarice é sempre uma experiencia total e completamente diferente. Pra quem não esta habituada à linguagem da Clarice, por vezes se surpreende com a forma como ela coloca as palavras, mas principalmente pela forma como ela descreve sentimentos. é bem lindo de se ler.

Nesse livro de Contos ( que de acordo com Clarice são só escritos, nada de contos coisíssima nenhuma ), temos alguns textos que ela escreveu para o Jornal do Brasil, la nos anos 70, durante vários momentos da sua vida.

Alguns eu gostei, outros não, e outros eu adorei. Adorei o ¨Restos de Carnaval, muito emocional, e cheio de sentimentos e angustia.

Ahhhh o ¨Macacos¨ ... tão fofo.

E o último,que no fim das contas se tornou meu favorito, foi ¨As Águas do Mundo ¨, linda reflexão de uma situação tão comum... um mergulho no mar.



Sinopse : www.skoob.com.br 

Desde o início, Clarice Lispector recusou a escravidão dos gêneros. Escrevia por fragmentos que depois montava. Escrevia aos arrancos, transcrevendo um ditado interior. As estruturas clássicas não faziam parte desse ditado. Seu olhar passava por cima das regras, quase voraz em sua busca da essência. Este livro bem o demonstra. É composto por contos escritos em épocas diversas da vida de Clarice. E por não-contos. Muitos deles - como Felicidade clandestina, que dá título ao livro - foram publicados no Caderno B do Jornal do Brasil. Como crônicas. Que também não eram crônicas. Convidada em 1967 para escrever semanalmente no JB, Clarice deparou-se com um fazer literário novo. Intimidade a princípio, logo negou os padrões vigentes: "Vamos falar a verdade: isto aqui não é crônica coisa nenhuma. Isto é apenas. Não entra em gêneros. Gêneros não me interessam mais". E "isto" era a mais pura e rica literatura. Nos contos/crônicas/textos - que eu, como subeditora do Caderno recebia semananlmente, datilografados em um envelope de papel pardo, com a recomendação, sempre repetida, de não perdê-los pois eram originais sem cópia - Clarice se expunha em recordações familiares e de infância. Sua irmã Tânia ainda se lembra da menina, filha de livreiro, que encontramos em Felicidade clandestina, atormentando Clarice por conta do empréstimo de um livro. O professor de Desastres de Sofia realmente percebeu o tesouro que Clarice menina escondia. E Come menino é um claro diálogo entre a autora e seu filho. Nada diferencia esses contos, escritos para serem crônicas, de outros contos que aqui estão, escritos para serem contos e publicados anteriormente no livro A legião estrangeira. Pois a força de Clarice não nos chega através das estruturas. Seus textos podem ser desmontados, desfeitos em pedaços - até mesmo diferentes dos fragmentos originais - sem que se perca sua intensidade. Cada palavra ou frase dessa escritora sem igual origina-se em camadas tão fundas do ser, que traz consigo, mais do que um testemunho, a própria voltagem da vida. (Marina Colasanti - jornalista e escritora)

sábado, 9 de março de 2019

A Ladra ( #16 IAN ) - J.R.Ward

Eu tava me coçando, desde a Bienal de 2018 pra ler a Ladra, afinal era o lançamento do ano ne, mas eu resolvi que ia reler toda a série, desde o começo, antes de iniciar essa leitura. Então em Agosto de 2018 comecei a reler desde o primeiro livro ( Amante Eterno) até chegar nesse 16° livro... E finalmente chegou a vez dele.

Eu estava tão ansiosa pra saber o que seria de Sola e Assail, mas esperei firmemente. E adorei demais ler a historia deles dois. Achei que a Ward focou bem mais na historia de stress que já anda rolando há um tempo do Vishious e da Jane, mas como sempre, ela nunca decepciona.

Quando A Escolha termina, Assail ta sofrendo demais com a desintoxicação, seus primos gêmeos estão sofrendo com a situação que Assail está vivendo. Jane esta se sentindo impotente por não conseguir resolver o problema do vampirão drogado, e Vishious ta com a cabeça cada vez mais perdida.

E uma coisa eu digo, com a mesma intensidade que amei a historia de Sola e Assail, da avó da Sola, que mulher especial... da até pra dar umas risadas com a Vovó, eu odiei, tanto a Jane. Apesar da merda ter sido cagada e esfregada por Vishious ( ou a quase merda, de boa intenção o inferno ta cheio, que fique claro ) eu quis muito que ele largasse ela, mesmo... tipo Jane vai pastar kkkkk, mas afinal o vampirão com mais cara de mau que Zsadist se bobear, ama a fantasminha ne, então fazer o que, a gente aceita apesar de não gostar muito rrss.

Sola é a parceira perfeita pra Assail, os dois são turrões, tipo voce me protege mas eu tambem te protejo, mas nada desse negocinho de sexo frágil pra ela. Ela é tipo uma Xhex menos brutalizada.

Ward sempre nos faz terminar suas historias, louca pra saber o que ela planeja na próxima... E com certeza vem muita coisa por ai ainda. O que sera que ela vai aprontar com o reaparecimento de Murdher, qual será a história de Jo, o que Throe e seu livrão podre ainda vão aprontar. Lassiter e seus segredos. Ate o gato da Rainha, Boo aposto que vai rolar uma historinha com o bichano... Então o negócio é esperar, porque esse ano pelo que sabemos, teremos 3 lançamentos da Universo dos Livros. Já to roendo as unhas ;)



Sinopse : www.skoob.com.br 

Surpreenda-se com o novo e excitante romance da série best-seller do The New York Times, a Irmandade da Adaga Negra.

Sola Morte, antiga ladra, desistiu da sua vida pregressa do lado errado da lei. Fugindo de uma família de traficantes de drogas, hoje ela mora longe de Caldwell, mantendo sua amada avó a salvo e permanecendo afastada de encrencas. Seu coração, no entanto, ainda está voltado para o único homem que conseguiu derrubar suas defesas: Assail, que nunca teve a intenção de se apaixonar - com certeza nunca por uma humana. Mas eles não têm futuro, e não só porque ela desconhece o fato de ele ser um vampiro, mas também porque ele não pretende deixar de vender armas para a Irmandade da Adaga Negra. O destino, contudo, tem outros planos para eles. Quando Assail entra em coma e paira à beira da morte, seus primos procuram Sola e imploram que ela lhe dê um motivo para viver. A última coisa que ela deseja é retornar ao passado, mas como ela pode permitir que ele morra?

Enquanto um novo inimigo letal dos vampiros mostra a cara, e a Irmandade precisa que Assail volte à ativa, Sola descobre ser não só um alvo, mas também uma força essencial numa guerra que não compreende. E quando a verdade de Assail vier à tona, ela fugirá aterrorizada... ou seguirá o coração, caindo nos braços do macho que a ama mais do que a própria vida?

sexta-feira, 8 de março de 2019

Um de Nós esta Mentindo - Karen M. McManus

Quando peguei esse livro pra ler, eu ja sabia, por ter lido resenhas e visto muita gente falando dele, que era do mesmo estilo do livro Mentirosos ( Resenhei aqui ), e sabendo disso logo fiquei muito curiosa porque eu adorei Mentirosos. Jovens que são acusados e o suspense é daqueles que te faz devorar o livro em poucos dias. E foi exatamente assim que me senti lendo esse aqui.

Conhecemos 4 jovens que são acusados de assassinar um colega de classe pelo simples fato de eles estarem cumprindo juntos uma detenção na escola que estudam por usarem seus celulares na escola, que é proibido.

Nate, Bronwyn, Addy e Copper estão agora metidos na maior enrascada, porque Simon morre durante a detenção e os quatro estão sendo apontados na escola, investigados pela policia, e alvo de emissoras de Tv que querem saber o motivo de tudo ter acontecido na escola.

Simon era um fofoqueiro, tinha um blog onde metia o pau em todo mundo na escola, por isso não só os quatro, mas todos ja foram alvo de seus comentários infelizes, o que causou, logico, brigas, stress e muitas situações chatas  entre Simon e os envolvidos.

No decorrer da historia, vamos lendo sobre a vida dos quatro envolvidos. O delinquente,a estudiosa, a patricinha, o jogador famoso e popular de repente são suspeitos. Mas todos eles sabem que um não foi o outro, por mais que o motivo pelo qual eles são acusados tenha fundamento, mas nenhum deles teria essa coragem. Mas pra cidade e pra mídia, eles são sim capazes disso, e principalmente pra policia, que investiga cada um deles muito, mas muito a fundo. Precisa elucidar o caso.

Ai vem a elucidação.... e eu fiquei sem ar.. . Porque ao mesmo tempo que parecia obvio, é tão surreal, que faz voce devorar ainda mais as ultimas páginas do livro.

Otima leitura pra qualquer idade. Recomendo muito pra quem gosta desse tipo de historia, com um suspense na medida, e aquele final foi sensacional.

E o livro ainda passa uma ótima mensagem... Na vida nem tudo é o que parece !





Sinopse : www.skoob.com.br

Cinco alunos entram em detenção na escola e apenas quatro saem com vida. Todos são suspeitos e cada um tem algo a esconder. Numa tarde de segunda-feira, cinco estudantes do colégio Bayview entram na sala de detenção: Bronwyn, a gênia, comprometida a estudar em Yale, nunca quebra as regras. Addy, a bela, a perfeita definição da princesa do baile de primavera. Nate, o criminoso, já em liberdade condicional por tráfico de drogas. Cooper, o atleta, astro do time de beisebol. E Simon, o pária, criador do mais famoso app de fofocas da escola. Só que Simon não consegue ir embora. Antes do fim da detenção, ele está morto. E, de acordo com os investigadores, a sua morte não foi acidental. Na segunda, ele morreu. Mas na terça, planejava postar fofocas bem quentes sobre os companheiros de detenção. O que faz os quatro serem suspeitos do seu assassinato. Ou são eles as vítimas perfeitas de um assassino que continua à solta? Todo mundo tem segredos, certo? O que realmente importa é até onde você iria para proteger os seus.

quinta-feira, 7 de março de 2019

A 24a. Noite - ( conto ) Julianna Costa

Continho, bem rapidinho de Kio e Nahia, o casal do livro 23 Noites de Prazer.

Não acrescentou nada, apesar de ter sido legal.... bemmmm hot, mas se não tivesse, não faria diferença.


Compre na Amazon 



Sinopse : www.skoob.com.br 


Alguns anos depois dos eventos do livro 23 Noites de Prazer, Nahia Valar encontra-se mais uma vez em uma encruzilhada de questionamentos pessoais. Um velho amigo retorna para preencher suas noites e ajudá-la a superar mais alguns desafios.

segunda-feira, 4 de março de 2019

Lembra de Mim? - Sophie Kinsella

Então... o que dizer de Lembra de mim. ou melhor de livros da Sophie... Eu gosto, de verdade, mas minhas duas ultimas experiências com seus livros me deixaram meio com o saco na lua e com muita raiva das mocinhas.

Aqui conhecemos a historia da Lexi, uma jovem de 25 anos que depois de sofrer um acidente perde completamente a memória de sua vida dos últimos 3 anos. Tudo o que ela se lembra é de ter tropeçado na calçada depois de uma noitada com suas melhores amigas, e no dia do velório do seu pai.

Quando ela acorda ela na verdade esta com 28 anos, toda chique, sem os cabelo armado, com as unhas mais do que bem feitas, dona de bolsas e roupas de marca... Casada com um milionário e vivendo uma vida do qual ela não tem nenhuma, absolutamente nenhuma lembrança.

Esse livro me lembrou muito aquele filme Pra Voce, só que com menos amor e mais palhaçada e atrapalhação rrss.

Até ai... tudo bem gente, mas o que começou a me irritar foram muito mais as atitudes dos que a cercavam do que as atitudes dela em si. Minha irritação com ela foi o fato dela não gritar, muito alto, quando ela enlouquecia porque todo mundo agia como se ela estivesse em seu estado normal. Sua mãe e sua irmã são duas egoístas, em nenhum momento mostram vontade de ajudar a irmã/filha. Nem mesmo quando elas se mostraram interessadas em ajudar mostrando à ela fotos antigas, elas só estão preocupadas em ... a irmã se esta bonita na foto e a mãe se em cada foto tem seus cachorros nas fotos das lembranças de Lexi. Eu queria matar as duas...juro.

E o marido, seu tão lindo e apaixonado marido é frio, apesar de dizer que a ama, mas ele a trata como se ela fosse uma criança mau criada. Ai ele tenta ajudar ela criando um tal de um Manual do Casamento deles dois, eu queria mandar ele socar guela abaixo aquele manual... e aposto que ela também mas não tinha coragem. Um saco, de verdade.

A enrolação pras coisas acontecerem. Pelo que todo mundo diz, Lexi é uma verdadeira vaca nesse momento de sua vida, e quando ela entende o motivo de seus colegas de trabalhoa detestarem  ( aqui tambem quis morrer, porque a mulher não lembra de nada e volta a trabalhar, ela não sabe nem quem é sua equipe como vai lembrar do que fazia, de que ponto sua vida parou... aff me irritou demais ), ela esta determinada a ser uma Lexi diferente, porque a Lexi do passado, na qual ela ainda esta presa, nunca seria como a Lexi de agora.

Aqui eu gostei porque ela quis muito ser e fazer diferente. Ela dizia o tempo todo, essa não sou eu, eu nunca faria isso, eu nunca agiria assim, então a desmemoriada Lexi esta se esforçado pra ser uma pessoa melhor. Nesse ponto o livro fica realmente bom. Quando ela esta firme na decisão de ser melhor.

E o final... ta eu até curti, mas como eu disse não foi uma leitura que me deixou mega feliz. Eu ainda não desisti da Sophie porque eu realmente gosto dos livros dela. E só espero que minha próxima leitura dela seja mais feliz do que essas duas ultimas.



Sinopse : www.skoob.com.br 

Lexi desperta em um leito de hospital após um acidente de carro, pensando que está em 2004, que tem 25 anos, uma aparência desleixada e um namoro desastroso. Mas, para sua surpresa, ela descobre que está em 2007, tem 28 anos, é chefe de seu departamento e sua aparência está impecável. E ainda é casada com um lindo milionário! Ela não pode acreditar na sorte que teve. Mas conforme ela descobre mais sobre a nova Lexi, nota problemas graves em sua vida perfeita. E, para completar, uma revelação bombástica pode ser sua única esperança de recuperar a memória.

sábado, 2 de março de 2019

Razão e Sensibilidade - Jane Austen

Jane e suas moças todas cheias de amor e sonhos no coração. ❤

Romance originalmente publicado pela primeira vez em 1811, aqui conhecemos a historia das irmãs Dashwood.

Depois da mãe ficar viúva, a Sra. Dashwood se vê obrigada a deixar sua casa e se mudar pro campo junto com suas três filhas.. Elinor, Marianne e Margareth. 

Margareth ainda é uma menina, então ela fica bem pra terceiro plano na história, aparece bem pouco.

Marianne é a filha do meio. Muito sonhadora, certa de que na vida vai se apaixonar perdidamente e casar com seu pretendente tambem muito apaixonado por ela.

E Elinor é a resignada irmã mais velha. Que justamente por ser a mais velha deixou toda sua vida de lado em prol de ajudar a mãe e de querer realizar os sonhos de Marianne.

O que de melor pode acontecer na vida das duas irmãs tambem é o pior. Ambas se apaixonam, ao mesmo tempo. Marianne, muito mais sonhadora tem a certeza absoluta de que seu amor sempre será correspondido. E Elinor tem certeza de que o seu nunca será. Enquanto Marianne mostra o tempo todo seus sentimentos que transbordam de si, Elinor se esconde o quanto pode. Nunca quer deixar transparecer suas angustias e seus medos.

Eu sofri tanto com Elinor. Quando Marianne cobra dela se expor um pouco mais, a dor dela é tão grande por ter que abrir mão de seus próprios quereres, que da vontade de sentar e deixar ela chorar no meu ombro rrss

Uma coisa que percebi em duas leituras da Jane é que seus homens são o verdadeiro significado de homem frouxooooooo.. caraca... Mr. Darcy de Orgulho e Preconceito é frouxo.... Coronel Brandon e Edward são frouxos... Tinha momentos da leitura que eu queria tanto dar uma sacudida nos dois... igualzinho eu quis fazer com Mr. Darcy rrss. ( coisa de gente acelerada) rrss

Claro que depois que finalizei o livro, fui caçar pra assistir o filme, ( que é de 1995 )  porque por incrível que pareça eu nunca tinha assistido e adorei o filme tanto quanto o livro. O final do filme é tão romântico que deixa o coração cheio de amor... e só um comentário pro Willoughby do filme ... chupaaaaa besta kkkk ( O do livro até que senti pena, mas o do filme quis mesmo dizer isso pra ele kkk )

Ler Jane é sempre uma grande pedida. Mergulhar nesse mundo que nos é tão distante e parcialmente desconhecido, é um mergulho numa escrita completamente fora da zona de conforto de muitos de nós, leitores modernos. Eu estou definitivamente caindo de amores pelos clássicos mundiais. Tenho muitos na lista, quero muitos físicos na minha estante. Quero mergulhar demais e bem fundo nesse universo que é tão antigo mas tão novo pra mim.



Sinopse : www.skoob.com.br 

Após a morte de Henry Dashwood, sua esposa e filhas – a sensata Elinor, a romântica Marianne e a jovem Margaret – veem-se empobrecidas e obrigadas a trocar sua confortável mansão por um pequeno chalé em Barton Park. Enquanto Elinor é controlada e cautelosa, Marianne demonstra abertamente seus sentimentos, recusando-se a adotar a conduta hipócrita que é esperada dela. As irmãs enfrentam grandes desafios em suas vidas amorosas e são forçadas a encontrar o equilíbrio entre razão e emoção antes de conquistarem o verdadeiro amor.

sexta-feira, 1 de março de 2019

Coração Perverso (#3 Meu Romeu ) _ Leisa Rayven

Como eu ¨paxonei ¨ muito no Meu Romeu e Minha Julieta, fui lendo um atra do outro, mas quando cheguei nesse pensei... ah, deveria ter parado no Minha Julieta rrss...

Não é que eu não gostei, é que achei muito igual a historia... Já tinha tido uma dose cavalar de Cassie e Ethan, ai vem Elissa e Liam. Talvez se eu tivesse respirado um pouquinho antes de começar esse eu teria gostado mais. Não é ruim, ta longe disso, tanto que dei 3 estrelas, mas sei lá, me cansou um pouco.

Nesse terceiro volume da série, conhecemos a historia da irmã de Ethan, Elissa. Desde que era ainda uma garota de 19 anos e estava se descobrindo na profissão, até seu trabalho atual na Broadway, a adaptação de A Megera Domada.

Liss conheceu Liam quando eles ainda eram muito jovens, e devido à três.. simmm três grandes decepções amorosas aos 20 anos de Lisa, ela não namora atores, por isso quando ela o conhece a primeira pergunta que ela faz à ele é se ele é ator, e quando ele diz que trabalha com seu pai na área da construção civil, Liss fica no céu. Ela definitivamente pode se encantar por Liam sem medo de ser feliz.

Ela esta estudando e trabalhando para trabalhar nos bastidores, nunca como atriz, por isso, agora com Liam, ela pode se entregar as aventuras da paixão. Ate que depois daquela noite de Leite e Biscoitos ( simmm nada de morangos e champanhe rrss ), Liam vai fazer o teste pra nova produção de Romeu e Julieta, e para a surpresa de Liss e de todos ele passa porque apesar de não ser ator, ele é bom no teste e ganha o papel. Liss surta porque ela não namora atores lembra... Mas uma hora a peça acaba, todos voltam sua vida ao ¨normal¨. E volta .. dai o trem pega fogo...

Liam e Liss vivem seu amor com toda intensidade, ate que ele é cogitado pra estrelar campanhas e novas produções em Los Angeles. E tomada a decisão, Liam se aventura na nova profissão. E mesmo longe, Liss e Liam  conseguem se entender bem. Ate que uma reviravolta acontece e Liss jura que nunca mais se apaixonará por mais ninguém na vida.

Seis anos se passam e ela e Liam se reecontram, ele noivo, ela diretora de produção da Brodway, e sabendo que tanta coisa precisa ser dita, mas que hoje, de nada adianta.
Ate ai gente... tudo beleza viu .. o livro flui bem.. mas ai começaram cenas que eu comecei a detestar...

Eu tenho sérios problemas com algumas situações. E faltando tipo uns 40% pro livro acabar a merda começou a desandar pra mim. As atitudes de Liam e Liss, mesmo depois do ¨ai meu deus o que a gente fez... ai meu deus eu não posso fazer isso... ai meu deus ela não merece passar por isso¨, pqp ai já fiquei estressada... Queria largar de tudo o livro mas quando chegou a cena da loja de vestido de noiva... cheguei no meu limite.

Só que a idiota aqui não consegue largar a pitomba do livro... então eu continuei, e dai parecia que eu estava lendo outra historia... porque fala serio, a desculpa que a autora inventou pra ¨dar um jeito em tudo ¨ não achei que colou, na verdade não gostei mesmo não.

Ta o final ate que é bem bonitinho, fiquei feliz com o final, mas já tinha azedado o pé do frango pra mim, então apesar do final lindinho, eu ja não queria mais me apaixonar de novo pelo casal.

Agora Josh é um caso a parte.... Sensacional esse amigo da Liss. Ri muito com ele, me divertia cada vez que ele aparecia.

Então é isso foi bom pra não dizer que não foi... mas não virou meu livro favorito nem de longe rrs



Sinopse : www.skoob.com.br 

Elissa Holt tem uma regra quando se trata de relacionamentos: ela não namora atores. Sua bem-sucedida carreira de diretora de palco em Nova York a ensinou que eles não são confiáveis, e isso se comprova quando ela conhece Liam Quinn.

Eles tiveram um breve, porém intenso romance há seis anos, pouco tempo antes de Liam se mudar para Hollywood, fazer sucesso em grandes produções de cinema e quebrar o coração de Elissa ao começar a namorar Angel Bell, a atriz queridinha da América.

Agora o casal do momento está em Nova York para estrelar a peça A megera domada, de Shakespeare, da qual Elissa será, coincidentemente, a diretora de palco. Apesar de o cenário ser completamente diferente, tudo o que aconteceu entre eles – e o que poderia ter acontecido – vem à tona.

Mesmo Elissa sabendo que se entregar a Liam de novo poderia gerar uma tragédia, fica claro que o amor e o desejo nem sempre seguem o script...

Livros Lidos - Fevereiro /2019

Caraca.. até eu me surpreendi quando fui fazer a contagem dos livros que li esse mês...

Hoje de manha terminei o ultimo livro do mês e foi quase 1 livro por dia, o que é muita coisa, considerando que não estou de férias, fevereiro não tem carnaval, feriado nem nada.. então fiquei feliz rs.


Tudo bem que no meio desses, alguns foram audiobook ta, enquanto to malhando, limpando casa,  costurando, fazendo minhas artes... então pelo visto isso me ajudou bastante. E, comecei e terminei a releitura de uma série que amo, porque a autora publicou o último livro da série e eu queria muito ler... dai decidi reler tudo primeiro e adorei... li todos bem rapidinho então.. mais um lucro rrss

Agora vamos à lista ne.. que tá longa ;)


  1. Dominic e Bronagh ( #1 e #1.5 Serie Slater Brothers ) ( releitura ) - L.A. Casey 
  2. Alec e Keela ( #2 e #2.5 Serie Slater Brothers ) ( releitura ) - L.A. Casey 
  3. Kane e Aydeen ( #3 e #3.5 Serie Slater Brothers ) ( releitura ) - L.A. Casey 
  4. Ryder e Branna ( #4 e #4.5 Serie Slater Brothers ) ( releitura ) - L.A. Casey 
  5. Damien e Alanah ( #5 e #5.5 Serie Slater Brothers ) ( releitura ) - L.A. Casey 
  6. Amor de Todas as Formas ( contos ) - Varias Autoras Nacionais 
  7. Morte no Nilo - Agatha Christie 
  8. Talvez um Dia - Colleen Hoover 
  9. Maggie Epilogue ( #1.1.Talvez um dia ) - Colleen Hoover 
  10. Brothers ( #6 Serie Slater Brothers ) - L.A. Casey 
  11. Biblia Slater - L.A. Casey 
  12. Maybe Not ( #1.5 Talvez um Dia ) - Colleen Hoover 
  13. Bela Chama ( #4 Irmãos Maddox ) ( releitura ) - Jamie McGuire 
  14. A Escolha ( #15 IAN ) ( releitura ) - J.R.Ward 
  15. Para Educar Crianças Feministas - Chimamanda Ngozi 
  16. Algo Belo (#5 Irmãos Maddox ) - Jamie McGuire 
  17. Meu Romeu ( #1 ) - Leisa Rayven 
  18. Minha Julieta (#2 ) - Leisa Rayven 
  19. Os Crimes ABC - Agatha Christie 
  20. Hot Holiday Nights ( #10.5 Serie Play by Play ) - Jaci Burton 




Até o mês que vem, que espero ser tão bom nas leituras quanto foi Fevereiro ;)