Seguidores

domingo, 1 de dezembro de 2019

O Salvador ( #17 IAN ) - J.R. Ward

¨Familia não acaba. Não há tempo passado para a família¨ 
( Sarah pra Murdher ) 

Sinceramente eu não sei nem por onde começar a escrever essa resenha, porque esse livro me arrebatou da mesma forma que o primeiro livro da série me deixou apaixonada.

Que eu amo a Irmandade da Adaga Negra não é segredo pra quem me segue, e ler esse livro, conhecer a historia de Murdher foi, de novo, reviver todas as emoções que essa série me traz.

Quando eu li A Escolha e a Ladra ( resenhei AQUI  ) que foram os últimos dois livros da série ( sem contar o Legado e os contos ne gente ), eu amei, ambos, mas não senti nem metade das emoções que O Salvador me trouxeram, porque eu chorei, eu ri, eu delirei a cada novo capitulo dessa historia que so a Ward seria capaz de escrever. Ela consegue erguer e refazer uma historia como se fosse a primeira. Criar novas situações, novos acontecimentos que nos faz duvidar que ela ainda é capaz de tudo isso.

Aqui conhecemos a historia de Murdher ( lembrando que o nome dele ja apareceu em outros momentos dessa série, ele era o companheiro de Xhex ) que na minha cabeça ele já estava era morto né, porque baseado no que já sabemos que  ele passou por poucas e boas. Mas Murdher foi julgado e expulso da Irmandade por suas atitudes, ele pirou depois de ter sua cabeça toda bagunçada pela colonia dos sympaths. E, quando ele ressurge das cinzas, com um único proposito, todo mundo fica com os dois pés atras porque quem pira uma vez, pode pirar sempre ne ( as vezes vai kkkkk )

Conforme os acontecimentos vão aparecendo a gente vai entendendo o que fez e quem é Murdher, e principalmente porque fez. Confesso que eu gostava de ler as parte só da Sarah, mas eu queria muito era passar logo os capítulos que ela contava a historia, porque eu tava interessada mesmo era no que Murdher fazia, dizia e pensava.

À medida que os capitulos iam passando, as coisas iam acontecendo, Murdher ia se apaixonando por Sarah, e tudo vinha à tona eu queria mais e mais e mais. Quando Thorn aparecia eu queria mais. Quando Wrath aparecia eu não preciso nem falar ne, eu queria muito mais do que mais. E John, como eu sofri com John. Eu só pensava a Ward não pode fazer merda com a vida de John, porque ele não merece. John e Murdher juntos foi lindo demais de se ler. A cerimônia de John meu pai do céu, chorei como todas as outras.

Eu chorei, mas eu tbem ri em muitos outros momentos com aquele anjo que é uma figura, com o Hollywood ( Ahhh Lassiter e Rhage )... Irmandade é isso, as emoções ficam sempre a flor da pele, e eu amo isso, de paixão.

Agora to contando os minutos pros próximos livros, sejam eles quais forem. A Ward fez uma Live no Facebook esses dias ai, e ela ja mencionou tanta coisa que ela ainda quer escrever, que já to só pensando no que vem por ai.


Sinopse : www.skoob.com.br 

Os destinos de um vampiro e de uma cientista estão apaixonadamente entrelaçados neste best-seller internacional excitante e repleto de suspense. Na venerável história da Irmandade da Adaga Negra, um único macho foi expulso, mas porque a insanidade de Murhder não deu escolha aos Irmãos. Assombrado pelas visões de uma fêmea que não conseguiu salvar, ele, ainda assim, retorna a Caldwell numa missão para reparar o erro que o arruinou. Contudo, Murhder não está preparado para o que deve enfrentar nessa busca pela redenção. A doutora Sarah Watkins, pesquisadora de uma empresa biomédica, tem dificuldades em superar a perda do noivo, que também era seu colega de profissão. Então, quando o FBI começa a investigar a morte dele, a cientista leva as evidências ao limite para, enfim, tomar conhecimento de uma terrível verdade. Quando os destinos de Murhder e de Sarah se entrelaçam irrevogavelmente, o desejo se acende entre eles. Mas será que eles conseguirão forjar um futuro que cubra a distância que separa as duas espécies? E quando um novo inimigo surge na guerra contra os vampiros, será que Murhder retornará para a Irmandade... ou voltará para a sua existência solitária de uma vez por todas?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por sua visita !!! Deixe seu email para que eu possa responder sua mensagem.
Ana Paula