Seguidores

quarta-feira, 16 de junho de 2021

A Espera de Um Milagre - Stephen King

Em nenhuma outra circunstância eu teria lido Stephen King, se não fosse por eu ter esse livro na estante há um tempão. O marido comprou jurando que um dia leria, e nunca leu, como eu já tinha visto o filme uma dezena de vezes e o livro estava aqui, lá fui eu. 

Foi uma leitura dificil porque essa minha edição tem uma fonte muito muito pequena  mas por outro lado, descobri que foi feita uma adaptação perfeita desse livro que é tão incrível quanto o filme ( já que inverti a ordem das coisas ) 

Aqui Paul Edgecombe nos conta sua historia em detalhes desde que ele conheceu o enorme John Coffey e sua vida mudou completamente. Sendo chefe do Bloco E da Penitenciária Cold Montain e seu macabro corredor da morte, Paul vivenciou situações que mudaram sua vida para sempre. E, apesar de estar acostumado com seu trabalho, quando Percy, um dos novos guardas, Billy o preso mais frio e cruel do Bloco, e John o mais gentil e especial prisioneiro, Paul nunca mais foi o mesmo. 

Aqui temos em cada inicio de capítulo ele nos contando sua vida atualmente, como um senhor idoso e num asilo, ai vem os capítulos do passado, desde a chegada de John,  a certeza de que John Coffey não cometeu o crime pelo qual esta sendo acusado, até sua execução, já que uma sentença foi proferida ao preso e Paul não pode fazer absolutamente nada. 

A leitura é bem fluída, a historia é muito bem contada, com detalhes que mesmo pra quem ja conhece a historia pelo filme, se envolve na leitura de maneira que parece que a gente não conhece a historia. 

Eu sempre disse que não leria King, mas essa foi uma boa experiência talvez porque não seja um livro de terror, então encarei bem a leitura. 

Foi uma boa experiência com o livro e com o autor. 



Sinopse : www.skoob.com.br 

Paul Edgecombe é um homem velho. Muito velho. E no asilo para idosos onde passa agora seus dias, Edgecombe é assaltado por lembranças do passado. Penitenciária de Cold Mountain. O macabro corredor da morte. Frios e cruéis assassinos. Por muito tempo, Edgecombe foi guarda do presídio onde ficavam os condenados à morte, e são muitas as histórias que insistem em visitá-lo em seus dias agora vazios. Mas há uma em especial que o atormenta. Há uma em especal que não deixará Edgecombe em paz até contá-la em detalhes. Todos os detalhes. É a assustadora história de John Coffey, o gigante assassino de duas meninas. Acompanhe Paul Edgecombe neste mergulho num passado de ódio, vingança e... milagres. O corredor da morte espera sua visita.

segunda-feira, 14 de junho de 2021

Twist ( #2 Dive Bar ) - Kylie Scott

Segundo livro da série Dive Bar, aqui conhecemos a historia de Joe e Alex. 

Alex não sabe que Joe e Eric são a mesma pessoa. Ela na verdade acha que o grande amor da sua vida é o Eric, com quem conversa, troca emails, e sabe tuda da vida dele. Ate que o mico de toda a vida de qualquer ser humano acontece e ela descobre que esta dentro de uma mentira. Eric na verdade nem a conhece e Joe, irmão dele,  é quem sabe absolutamente tudo da vida de Alex. 

E, coitada da Alex pelo mico que passa e pela decepção quando descobre que os ultimos meses da sua vida não passam de uma mentira. 

A historia é uma delicinha de ler, só não gostei da demora pro casal se entrosar, nesse ponto gostei mais do Vaughan e da Lydia que mesmo não tendo chegado nos finalmente muito rápido, se conheciam e se apreciavam de maneira que mostrava mais interesse e química. 

Fiquei tiririca da vida com a tal da Star que surge do além pra abalar a vida de Joe, que nesse momento da chegada dela, já está uma verdadeira bosta. E achei a Alex com sangue de barata, meu eu ciumento e possessivo queria entrar na historia e sacudir Alex. 

Morri de pena de Joe em determinado momento da historia e da Nell, coitada. sofrendo à beça ta a doida da cosinheira. Sorte que ela ganha um recomeço digno.

Ai e meu cuore explodiu de alegria com meu amado mau humorado Jummy dando as caras mesmo que só por uma linha rrss

Agora vamos ver o que Eric vai aprontar no livro 3, só espero que ele seja menos idiota do que ele é,porque o bicho ta com 16 anos ainda kkkkk


Sinopse : www.skoob.com.br 

Quando seu irmão mais novo perde o interesse em sites de namoro on-line, o extraordinário, sexy e barbudo barman, Joe Collins, só pretende entrar em sua conta e encerrá-la. Até ele ler sobre ela.

Alex Parks é engraçada, amigável e praticamente tudo o que ele está procurando em uma mulher. E em pouco tempo, eles estão enviando emails contando um ao outro seus mais profundos segredos... menos aquele que realmente importa.

E quando se trata de amor, servi-lo diretamente funciona melhor do que com um desvio...

sábado, 12 de junho de 2021

Livros para se Apaixonar

E ainda falando sobre o ¨ Love is in the Air ¨  rrss, nesse post vim falar sobre não só casais, mas livros, historias pra gente se apaixonar. 




Leituras leves, as vezes divertidas, outras vezes com aquele assunto que a gente nem gosta muito mas que nos fazem pensar nos nossos próprios problemas. Eu adoro esse tipo de leitura. 

Então aqui vai algumas dicas, e espero que voces curtam 



Uma das minhas autoras favoritas é  a Rachel Gibson. Faz tempo que ela não escreve nada, ou que as editoras não publicam nada por aqui e nada como uma Diva pra publicar sobre assuntos interessantes. Os famosos Chick Lits e todo nosso universo feminino, Rachel escreve com delicadeza, e sempre deixa suas historias mais interessantes. Eu adoro !! Simplesmente Irresistível é só um desses livros 




Anna e o Beijo Francês é um daqueles livros que voce já se apaixona só de olhar pra capa. Anna é uma estudante que esta em Paris pra conhecer os encantos da Cidade Luz e estudar novos costumes, mas quando ela conhece seu novo grupo de amigos e um certo St Clair suas perspectivas ganham um novo significado. Com personagens bem adolescentes,  esse é aquele tipo de leitura que encanta à todos. 





Todo o universo literário esta falando de Teto para Dois e de verdade existe motivo, porque esse livro é uma fofura. Leon e Tiff não são um casal, mas são o casal mais fofo que a gente lê em dias que a gente não quer pensar em nada, Com uma escrita leve e bem rápida, esse livro vale à pena em qualquer momento. 





Aqui escolhi 2 livros da mesma autora, porque de verdade esses dois livros são incríveis.  Doce Perdão como o nome mesmo diz fala muito sobre perdoar aos outros, mas a si mesmo. Com situações que nos fazem pensar na nossa própria historia, esse e A Lista de Brett abordam temas que nem sempre nos questionamos sobre eles. Vale muito a leitura, de ambos. 


E desejando que sempre tenhamos mais e mais historias apaixonantes, dou tchau pra voces !!!! 






sexta-feira, 11 de junho de 2021

Casais Literários Apaixonados

 Sou uma leitora de muitos gêneros, mas romance é de longe meu gênero favorito de leitura. Por mais que seja um livro cheio de drama, com pegada hot ou mais delicada, com um quê de suspense, mas tendo romance já me apaixono, e muitas vezes perdidamente não só pelos personagens, mas pela historia, pelo autor, por qualquer coisa que no final me deixe com aquele olhar bobo e apaixonado, que mesmo já tendo passado da idade, me faz parecer uma adolescente inocente kkkkkk



E, em comemoração ao dia dos namorados, quis fazer esse post pra mostrar pra voces quem são meus casais apaixonados, os mais na verdade. Fiz minhas escolhas baseadas nos livros favoritos da minha estante, e, apesar de cada um ter suas caractisticas, malucas ou não, é indiscutível o quanto esses casais são apaixonados 

Vamos à eles : 


Meu primeiro e favorito sempre será Outlander. Sempre vou defender toda a historia ( e só sou assim com a minha próxima escolha kkkkk ) defender o casal, e não importa quanto tempo demore pra Diana terminar de escrever, quantas temporadas ainda faltarão, sempre vou defender e amar James e Claire. Eles são um casal mais que apaixonado, sempre juntos e não importa o perrengue que eles vivam, eles sempre estão juntos. 




Minha segunda e favorita escolha é outra série pelo qual eu sou alucinada... Irmandade da Adaga Negra . E só desejo que nunca termine, porque quanto mais lemos e conhecemos sobre esses vampiros, mais ficamos apaixonados, e desejando mais e mais historia. Escolhi Amante Sombrio porque é aqui onde tudo começa. Muita gente desiste depois de ler esse primeiro livro, porque é muita informação nova, muita historia junta na mesma historia, mas à medida em que a gente dá uma chance, e segue a série ( que atualmente tem 18 livros publicados ) , o encantamento e a paixão por esses guerreiros e suas shellans são inegáveis. 





Muita gente não suporta essa trilogia. Acham o professor Gabriel um chato, a historia muito arrastada, mas eu amo, de paixão. Apesar de as vezes sim achar o Professor Gabriel um chato, é lindo de se ver o amor que ele sente por sua amada Julia. E ela tambem, o ama desde que era uma menina, e não consegue por nada nesse mundo ficar longe do seu grande amado. Só de escrever sobre eles já sinto vontade de reler tudo de novo rs 





Quem conhece Gideon Cross sabe que ele é perturbado, possessivo, louco, e apaixonado, muito apaixonado. Passsamos boa parte da Série Crossfire  com  vontade de matar ele durante a leitura, porque ele simplesmente não mede esforços para ter sua amada Eva. Gideon não é o personagem favorito de muitas leitoras, mas em compensação de outras, ele com certeza é, e mesmo com toda aquela sua loucura, toda aquela sua intensidade, ele indiscutivelmente ama Eva Trammell com sua própria vida. 





E por último mas não menos importante, Peter Kavisnky e Lara Jean Covey. Quem leu a Trilogia e viu os filmes Para Todos Garotos que Ja Amei caiu de encantos por Peter e Lara Jean. É impossível não amar esse casal apaixonado e todas as suas aventuras e descobertas.   




É isso pessoal ... tem muitos outros, claro, e só desejo que o Amor Esteja no ar, pros nossos casais literários e pra nós todos. ❤

sexta-feira, 4 de junho de 2021

Dirty (Dive Bar #1) - Kylie Scott

Ler Kylie Scott é sempre uma boa pedida pra aquele tipo de leitura que distrai, é rapidinha, gostosa de curtir.

Conheci a escrita dela com Stage Dive e meu vocalista favorito Jimmy, e aqui temos onde tudo começou, o primeiro bar onde o Stage Dive tocou, o Dive Bar, e apesar de Malcom ( o baterista mais convencido e fofo da terra  rrss ) dar o ar da graça aqui, a historia desse primeiro livro é de Lydia e Vaughan. 

E a historia é tão engraçada, porque a vida de Lydia tá de cabeça pra baixo e em menos de 2 semanas ela encontra o amor, o Príncipe Encantado, novos e incríveis amigos, casa, emprego, e uma vida do qual ela nunca imaginou que teria, mas que tá feliz da vida por ter. 

Em contra partida, Vaughan está mais perdido que cego em tiroteio, e não sabe de nada, apesar de querer muito uma certa ex noiva em fuga rrss

Eu adorei a irmã de Vaughan , os amigos dele e da irmã, que mesmo quando eles brigam, ainda assim eles são amigos. O carinho de todos eles com Lydia, a maneira como ela descobre que quer aquilo, mesmo sem nunca saber que queria.  E o final foi demais.... quase chorei com a Lydia. rrss

Eu adoro esse tipo de leitura, e como sempre leio mais que um livro ao mesmo tempo, esse tipo de historia me ajuda a balancear livros densos que leio junto.



Sinopse : www.skoob.com.br 

A última coisa que Vaughan Hewson espera encontrar quando volta para sua casa de infância é uma noiva de coração partido em seu chuveiro, muito menos o drama e o caos que vêm com ela.
Lydia Green não sabe se deve gritar ou chorar em um canto. Descobrir que o amor da sua vida tem um caso no dia do seu casamento é ruim o suficiente. Descobrir que é com seu padrinho é outra coisa.
Apenas quando esta noiva fugitiva não tem outro lugar para ir, um estranho bonito oferece a ela um ombro largo e musculoso para chorar. Vaughan é exatamente o oposto dos perfeitos e respeitados empresários que ela normalmente é atraída. Esse ex-músico que virou barman é rude e está enfrentando suas próprias encruzilhadas. Mas Lydia já tentou o Sr. Certo e descobriu que ele está errado - talvez seja a hora de dar uma chance ao Sr. Agora.
Afinal, o que há de errado em se sujar?
Dirty é o primeiro livro da série Dive Bar da autora best-seller Kylie Scot

terça-feira, 1 de junho de 2021

Pegando Fogo (Rosemary Beach #13) - Abbi Glines

Em Agosto de 2014 comecei a ler essa série tão quente e cheia de personagens. Me apaixonei por Rush Finlay de cara e só tinha lido os 3 livros dele e da Blaire ( todos resenhados AQUI  ) e sempre pensava que logo voltaria a le todos os outros. Pelo que dá pra perceber, demorei muitos anos pra voltar pra Rosemary Beach 

E assim como gostei demais de Rush e Blaire, adquiri o maior ranço, a maior raiva e as vezes ódio mortal de Nanette, ou Nan, a irmã de Rush. 

Ao longo de 12 livros acompanhamos o quanto Nan é egoista, mau amada, renegada, chata, mau criada, mau educada, má como uma bruxa mesmo. Só tem um momento em que ela se mostra boa em prol de outro, que é quando ela ajuda Harlow no livro dela e do Grant.

Mas é inegável que eu estava ansiosa pra ler a historia da Nan, pra saber se eu ia sentir mais raiva dela, se ia achar ela ainda mais insuportável, ou se simplesmente ia torcer pra que ela encontrasse o seu caminho, e sinceramente, eu gostei que ela finalmente o encontrou. 

Fiquei com medo de começar esse livro e ela ficar sendo a vaca má que ela sempre foi, mas a medida que ela vai contando sua historia, que vai mostrando seus desejos a gente ate que vai simpatizando com ela. Apesar disso algumas coisas nessa historia me incomodaram e muito. A maneira como Gannon a tratava e ela achava o máximo  me deixou furiosa em varios momentos, querendo muito que ela escolhesse Major ao inves de Gannon, assim como quando Major era um idiota com ela, quando ela a chama de vagabunda ( eu quis morrer com isso, eu mesma quis estrangular o convencido do Major ) eu torcia pra Gannon ser gentil e ela escolher ele. 

Por incrível que pareça, aqui não temos uma triangulo amoroso, e vindo da Nan isso até que é uma glória, porque a gente sabe que Nan se interessa por aquilo que não pode ter, e quanto mais o outro quer ela ou dela, mais ela ignora ou esnoba. 

Mas tá, vou parar de falar tão mau dela assim, e vou deixar registrado aqui que eu gostei do cara que Abbi Glines escolheu pra ela, quase tão parecido com ela como ela merece, mas tão apaixonado como ela nunca teve ou esteve, ou nunca achou capaz de estar. E ver Nan apaixonada, desejando o que os outros tem, amor, filhos, tranquilidade foi bem legal de ver. 

No fim das contas, confesso que não senti tanta raiva como achei que sentiria dela, e ate gostei do final que ela teve. E o escolhido mostrou que jamais foi enganado, ele sabia exatamente quem era Nannete



Sinopse : www.skoob.com.br 

Nan Dillon, a bad girl de Rosemary Beach, é uma garota imatura e egoísta que não tem outra preocupação na vida a não ser manter o corpinho perfeito. Só que Nan está longe de ser feliz: nunca teve o amor dos pais, o irmão adorado não tem mais tempo para ela, e Grant, o único homem de quem gostou de verdade, resolveu trocá-la pela meia-irmã dela.

Então, quando Major Colt a convida para sair, ela não pensa duas vezes. Apesar de saber que esse texano charmoso e de fala mansa não quer nada sério, ficar com ele é melhor do que estar com as colegas fúteis ou passar as noites sozinha vendo televisão.

Mas logo Nan fica farta do comportamento descompromissado de Major e, depois que ele a deixa plantada em casa mais uma vez, decide ir a Las Vegas para um fim de semana sem regras e sem limites. Lá, conhece Gannon, um empresário sedutor e perigoso que sempre diz exatamente o que ela quer ouvir.

Quando Major vai atrás dela implorar por uma segunda chance e Gannon mostra que não é tão perfeito quanto ela pensava, Nan tem que decidir a quem entregar seu coração. O que ela não percebe é que os dois têm uma estratégia de longo prazo para ela - e já estão várias jogadas à sua frente.

segunda-feira, 31 de maio de 2021

Livros Lidos - Maio

Mais um mês se foi e eu feliz da vida com minhas leituras. As releituras tambem estão à todo vapor 



Vamos à lista então : 
  1. Ao seu Encontro ( # 11 Rosemary Beach ) - Abbi Glines 
  2. Beleza Despertada ( # 2 Serie Anjos do Submundo ) - Gena Showalter 
  3. Amante Libertada ( releitura - Irmandade Adaga Negra  ) - J.R. Ward 
  4. O Safado do 105 - Mila Wander 
  5. O Último Adeus ( # 12 Rosemary Beach )  -  Abbi Glines 
  6. O Canalha do 610 - Mila Wander 
  7. Rush Sem Limites ( # 3.5 Serie Rosemary Beach - releitura ) - Abbi Glines 
  8. Twisted Cravings ( #6 Serie Camorra Chronicles ) - Cora Reilly 
  9. Amante Renascido ( releitura Irmandade da Adaga Negra ) - J.R.Ward 
  10. Se Beber, Não Ligue - Penelope Ward