Seguidores

quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

Transcendence - Shay Savage

Nunca, nunquinha, tinha lido nada parecido com esse livro. Tinha lido coisas lindas sobre ele, mas jamais poderia imaginar o que Shay Savage colocaria nessas paginas.

Uma linda e comovente historia de um homem e uma mulher, uma lição de amor, dedicação, amor, entrega, amor, e muito muito mais amor.

O livro é todo narrado por Ehd, sem que tenha um único diálogo e que ele diga uma única palavra. Ele é o verdadeiro homem das cavernas, ondele ele sabe que sua vida solitária só inclui caçar, pescar e sobreviver as estações do ano, depois de ter perdido toda sua familia num incêndio do qual ele nem se lembra. Ate que um dia e uma armadilha para um animal de grande porte, que o manterá aquecido e alimentado, mudam completamente sua vida, pois na armadilha se encontra uma bela mulher do qual ele decide que será sua companheira, sim ele decide rrss.

E ai começa a linda historia de amor de Ehd e Beh. Confesso que senti falta de saber o que Beh tanto gesticulava e falava, que  de acordo com Ehd emitia sons rrss, mas quem tem pressa come cru como diz o ditado, então essa leitora aqui teve que esperar até o epilogo pra entender algumas coisas ;), e saber porque Elizabeth se torna e Beh do Ehd.

Ainda to em êxtase sobre esse livro, juro. Perfeita, delicada, muito bem pensada e muito muito emocional. E, principalmente, o livro nos ensina que o Amor é uma linguagem universal, tão grande, tão nobre que palavras jamais farão falta quando uma alma encontra a outra, sabendo que são duas metades de um unico inteiro.

Lindo, lindo, lindo !!!!




SINOPSE: 

Dizem que as mulheres e os homens são de dois planetas diferentes quando se trata de comunicação, mas como eles podem superar os obstáculos de tempos pré-históricos, quando um deles simplesmente não têm a capacidade de compreender a linguagem?
Ehd é um homem das cavernas vivendo por conta própria em um deserto áspero. Ele é forte e inteligente, mas completamente sozinho. Quando ele encontra uma bela jovem em sua armadilha, é óbvio para ele que ela é para ser sua companheira. Ele não sabe de onde ela veio; ela está vestindo alguma roupa muito estranha e ela faz um monte de barulhos com a boca, que lhe dão uma dor de cabeça. Ainda assim, ele está determinado a cumprir o seu propósito na vida – sustentá-la, protegê-la e colocar um bebê dentro dela.
Elizabeth não sabe onde ela está ou exatamente como ela chegou lá. Ela está confusa e angustiada pela sua situação e há um homem das cavernas puxando-a de volta à caverna dele. Ela não está de toda interessada nos avanços primitivos de Ehd e ela simplesmente não consegue fazer com que ele ouça. Não importa o quanto ela tente, tentando fazer seu ponto de vista a este primitivo, mas bonito, homem em uma constante - e muitas vezes hilariante - luta.
Com apenas um ao outro para companhia, eles devem confiar um no outro para lutar contra os perigos da vida selvagem e se preparar para os meses de inverno. Enquanto eles lutam para coexistir, isso se torna uma história de amor que transcende a linguagem e tempo.

2 comentários:

  1. Oi Ana, tudo bem?

    Não conhecia o livro, mas gostei da premissa e acho que vou adorar o Ehd rsrsrs

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  2. Oi Mi, esse livro foi uma das grandes surpresas do meu inicio de ano de leituras viu. Não poderia imaginar nada como ele. Acho que por isso que adorei.

    Grata pela visita e por deixar seu comentario !!
    Bjs

    ResponderExcluir

Obrigado por sua visita !!! Deixe seu email para que eu possa responder sua mensagem.
Ana Paula